Economia

Açores devem acolher mais empresas tecnológicas

  • 6 de Outubro de 2009
  • 186 Visualizações, Última Leitura a 24 Novembro 2017 às 05:43
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

É esse o objectivo do projecto “Transcrea”, que visa o aumento de empresas de base tecnológica, na Macaronésia.

A Câmara do Comércio e Indústria dos Açores (CCIA) participou recentemente na reunião de arranque do “projecto Transcrea”, uma rede transnacional de fomento à criação de empresas de base tecnológica na Macaronésia.

O Transcrea tem por objectivo principal, apoiar o fomento da inovação e da criação de empresas de forma coordenada, eficaz e eficiente. Além deste objectivo, pretende-se iniciar e consolidar actividades de intercâmbio e de cooperação transnacional, no que diz respeito à criação de empresas de base tecnológica, de inovação e de transferência tecnológica, segundo se pode ler em comunicado. Identificar e difundir boas práticas, desenvolver uma nova metodologia para uma oferta coordenada e colocar uma rede de serviços de apoio à criação de empresas, são outros dos objectivos.

Com este projecto, a CCIA pretende desenvolver mais competências na vertente empresarial, para a criação e sucesso dos parques tecnológicos nos Açores.

Segundo se pode ler em nota de imprensa, contam-se para já 13 parceiros. A saber, Cabildo de Tenerife, Instituto Tecnológico de Canárias, Universidade de La Laguna, Fundacion Empresa Universidade de La Laguna, Universidade de Las Palmas, Fundación Parque Científico Y Tecnologico de las Palmas, Fundación Universitaria de Las Palmas, Cámara de Comércio de Santa Cruz de Tenerife, Cabildo de Fuertenventura, Tecnopolo da Madeira, Governo Regional dos Açores e a Câmara do Comércio e Indústria dos Açores.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Três mais Nove? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos