Economia

Há empresa de turismo ilegal na Base das Lajes

  • 14 de Agosto de 2009
  • 264 Visualizações, Última Leitura a 25 Setembro 2017 às 04:24
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Guias turísticos da Terceira e Câmara de Comércio de Angra do Heroísmo pedem actuação do Governo para pôr fim à economia paralela no turismo da ilha.

Os guias turísticos da Terceira continuam a queixar-se de turismo ilegal na ilha, que actua sem fiscalização do Governo Regional.
Pires Borges já havia denunciado a existência de guias não certificados, que roubam clientes às empresas de turismo licenciadas e com impostos em dia.

Agora o guia vai mais longe e apresenta um caso concreto. De acordo com Pires Borges, há uma empresa de turismo ilegal na Base das Lajes.

“Os norte-americanos têm uma empresa de animação turística que vende bilhetes e faz uma operação comercial, na Base das Lajes, sem ter uma pessoa credenciada a nível de guias, que acompanhe as pessoas”, denuncia. 

Segundo o guia, a empresa sediada na Base das Lajes não actua só nas zonas urbanísticas e nas zonas mais turísticas, mas chegou já às zonas de natureza. “Eles não têm a mínima credenciação nem estão autorizados a fazer isto”, reclama.
Pires Borges alerta ainda para o facto da empresa ilegal utilizar viaturas sem seguro para os passageiros, o que coloca os coloca em perigo.

O guia diz mesmo que o Governo Regional tem conhecimento desta situação, mas que até à data não a resolveu. “A gente já expôs o caso às diversas entidades oficiais e ninguém quer pegar nisto”, lamenta.

CÂMARA DE COMÉRCIO

Também a Câmara de Comércio de Angra do Heroísmo quer que esta situação seja resolvida pelas entidades competentes.
Para Sandro Paim trata-se de uma economia paralela. “Pelo que sabemos não é uma empresa licenciada para o efeito e portanto desde logo a trabalhar ilegalmente na Região”, aponta.

O presidente da Câmara de Comércio de Angra do Heroísmo salienta que a actividade ilegal prejudica empresas e guias. Segundo Sandro Paim esta situação “traz prejuízos para as empresas que desenvolvem a sua actividade de animação turística e para os guias que fizeram um esforço muito grande de ter uma formação de quase um ano para se licenciarem”.

O presidente da Câmara de Comércio pede ainda às entidades responsáveis que resolvam a situação. “A Inspecção das Actividades Económicas deve actuar e deve tentar perceber de que forma é que consegue impedir que isto aconteça”, alerta.
“Portanto não consideramos isto correcto e achamos que as entidades têm de actuar”, remata.

EM RESPOSTA ÀS ACUSAÇÕES DOS GUIAS TURÍSTICOS DA TERCEIRA

Secretaria Regional da Economia garante que está a “actuar”

Em resposta às acusações dos guias turísticos da ilha Terceira, sobre a existência de uma empresa de turismo ilegal na Base das Lajes,  a Secretaria Regional da Economia garante que “está a actuar sobre esta matéria, dentro do quadro e das regras legais que disciplinam este tipo de processo”.

Em comunicado no Gabinete de Apoio à comunicação social, a tutela refuta as acusações feitas pelos guias turísticos. 
A secretaria regional classifica mesmo de “infundada” a afirmação de que “o Governo Regional já tem conhecimento do assunto, mas não resolve o problema”.

De acordo com a Secretaria Regional da Economia, a entidade em causa “já foi notificada para se pronunciar sobre os factos que lhe eram imputados”.

“Neste momento, o processo de averiguações encontra-se a decorrer nos termos da legislação em vigor”, alega a tutela, que acrescenta ainda que o prazo de resposta foi dilatado “a pedido da referida entidade”.

A tutela adianta que a queixa deu entrada nos serviços da Delegação de Turismo da Ilha Terceira, a 17 de Abril do corrente ano, subscrita por sete guias intérpretes da ilha Terceira.

Segundo a tutela “foi aberto, a 13 de Maio, um processo de averiguações para apuramento dos factos relatados”,  após a análise da matéria apresentada na exposição em apreço.

A Secretaria Regional da Economia garante também que foi enviada resposta aos subscritores, esclarecendo os pontos apresentados, na mesma data.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Dois mais Sete? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos