Economia

Endividamento aumenta entre os açorianos

  • 12 de Agosto de 2009
  • 190 Visualizações, Última Leitura a 24 Setembro 2017 às 21:15
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Todos os meses, a Unidade de Apoio ao Sobreendividamento regista cerca de 30 novos pedidos de ajuda, de famílias açorianas.

O número de açorianos que recorre a ajudas financeiras é crescente. Os dados são da Unidade de Apoio ao Sobreendividamento (UAS), criada pelo Governo Regional dos Açores, que adianta surgirem 30 novos casos por mês.

Assim, de Agosto do ano passado até Julho deste ano, encontram-se registados cerca de 330 processos.

A entidade adianta que 60% dos indivíduos que procuram ajuda são casados e têm dois filhos, possuindo um rendimento anual de 10 mil euros. Do total, 38% apresentam até três dívidas em diferentes entidades bancárias, ao passo que 37% solicitaram até seis empréstimos. Dos cerca de 330 casos, cerca de metade aufere menos de 1.000 euros por mês.

As informações divulgadas pela UAS revelam também que as famílias recorrem a esta ajuda já numa situação de incumprimento grave, no qual existem já ameaças de penhora de bens, por parte das entidades de crédito.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Nove mais Oito? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos