Economia

Propostas autárquicas em ciclo de debates

  • 9 de Julho de 2009
  • 240 Visualizações, Última Leitura a 20 Novembro 2017 às 19:13
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *
Tem início, na próxima quinta-feira, dia 16 de Junho, um Ciclo de Debates sobreas  Propostas Políticas Autárquicas, promovido pela Câmara do Comércio de Angra do Heroísmo (CCAH).

 


No primeiro debate estarão presentes os candidatos à Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, as três forças com representação política da Assembleia Municipal, CDS-PP, PSD e PS.

 


Segundo o presidente da CCAH, Sandro Paim, “pretende-se com este debate esclarecer os empresários associados sobre as políticas defendidas por cada partido em sete temas seleccionados”. Desta forma diz que se “estabelece uma relação de maior proximidade entre candidatos e empresários”.

 


Os temas em debate serão: investimentos previstos para o concelho; política de desenvolvimento dos parques industriais; dinamização do comércio tradicional; promoção do turismo; política de adjudicação de obras; prestação de serviços e aquisição de produtos e política de combate à economia paralela.

 


Sandro Paim considera que estes “são temas importantes para os vários concelhos” e que dizem respeito às “preocupações locais”. O surgimento de outros temas durante o debate é uma possibilidade, de acordo com o presidente da CCAH.
No debate cada partido terá 15 minutos para a apresentação das propostas, período ao qual se estende o debate à assistência, sendo que não é permitido o diálogo entre os intervenientes políticos.

 

Opiniões
DI questionou os candidatos sobre o opinão dos mesmos relativamente a esta iniciativa.
O candidato do CDS-PP, Artur Lima, refere que “o debate é prematuro”, mas que apesar disso estará presente.
O facto de não ser permitido o diálogo entre candidatos é visto por Artur Lima como “redutor”.

 


Por outro lado, o candidato do PSD à autarquia angrense, António Ventura, avança que é “uma excelente iniciativa”, na qual espera “que se debatam projectos e não se ande à volta dos candidatos e do partidarismo”.
A candidata do PS, Andreia Cardoso, afirma que “todas as iniciativas que tenham como objectivo esclarecer a população são positivas e contribuem para que esta esteja mais consciente na hora de votar”.

 


“A ausência de diálogo parece-me bem, haverá outros momentos para isso”, conclui Andreia Cardoso.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Nove mais Um? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos