Economia

Encomendas caíram 26,9 % em Março na Zona Euro, com Portugal em contraciclo

  • 26 de Maio de 2009
  • 204 Visualizações, Última Leitura a 23 Agosto 2017 às 02:19
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

As encomendas à indústria caíram 26,9 por cento na Zona Euro em Março, face a igual mês de 2008, com Portugal a apresentar um crescimento marginal, segundo dados divulgados hoje pelo Eurostat.

A taxa de variação homóloga recuou pelo oitavo mês consecutivo, mas abrandou o ritmo de queda.

Em Fevereiro e Janeiro, as quebras homólogas tinham sido de 34,2 e 34,4 por cento respectivamente.

Face a Fevereiro, as encomendas recuaram 0,8 por cento, depois de ter estabilizado em Fevereiro, indica o gabinete de estatísticas europeu, que reviu em alta os dados inicialmente anunciados que davam um recuo de 0,6 por cento.

Na União Europeia no seu conjunto, as encomendas à indústria caíram em Março 25,5 por cento em comparação homóloga após quebras de 33,2 e 34,3 por cento nos primeiros meses do ano.

As encomendas baixaram 0,7 por cento face ao mês de Fevereiro, em que tinham caído 1,2 por cento (dado revisto em alta face aos - 1,4 por cento anunciados).

Portugal é um dos poucos países da União Europeia a ter registado em Março uma evolução positiva, com um aumento das encomendas à industria de 25,6 por cento face ao mês anterior, e de 0,3 por cento face ao mês homólogo, só superado pela Dinamarca.

Em Fevereiro, as encomendas à indústria portuguesa tinham recuado 3,8 por cento face ao mês anterior e 35,4 por cento face a Fevereiro de 2008.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Um mais Um? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos