Economia

10 milhões para dinamizar sector do turismo

  • 27 de Março de 2009
  • 291 Visualizações, Última Leitura a 21 Novembro 2017 às 15:32
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O Governo Regional concedeu 10 milhões de euros a associações sem fins lucrativo para comparticipação de projectos de interesse público no sector do turismo em 2009.

A verba destina-se à promoção e animação turísticas, criação de uma oferta estruturada e qualificada, suporte de estudos, monitorização e acompanhamento da actividade turística na Região Autónoma.

“Como mais uma vez se comprova, o Governo Regional está convictamente empenhado na criação de parcerias com a iniciativa privada com vista à promoção do destino Açores e à sustentabilidade económica do sector”, afirmou ontem o Secretário Regional da Presidência, no âmbito de uma conferência destinada a divulgar os resultados do último Conselho de Governo, na ilha de São Jorge.

Promover turismo “radical”

A nível da promoção, os Açores apostam este ano numa campanha que divulga as potencialidades das actividades outdoor.

“Pronto para o melhor tempo da sua vida” é o conceito chave que está na base da nova campanha da Associação de Turismo dos Açores, desenvolvida pela Brand Builders.

Com a campanha, os Açores pretendem desmistificar o clima no arquipélago e convidar as pessoas a visitar as ilhas, prometendo umas férias únicas.

No total, serão apresentados sete temas -vela, mergulho, observação de cetáceos, surf, golfe, parapente e pedestrianismo - destinados a um segmento mais jovem.

Os spots de televisão ficaram a cargo da Garage Films, que recorreu a imagens de arquivo de diversas produtoras locais.

Principais objectivos

Os Açores elegem como principais objectivos a redução da sazonalidade, o aumento da estada média e das receitas, a diversificação da oferta e da procura, a qualificação da oferta turística e ainda o aumento dos fluxos turísticos.

Como mercados prioritários da Região contabilizam-se aqueles em que existe ligação directa, charter ou regular, tais como a Suécia, Alemanha, Estados Unidos, Canadá, Noruega, Irlanda, Dinamarca, Espanha, Finlândia, Reino Unido, Holanda, Áustria, Itália e França.
Como outros mercados a considerar regista-se a Suíça e como mercados em fase de prospecção a Rússia, Polónia e República Checa, estes últimos ainda numa fase embrionária.

Bom arranque

Este ano até começou bem para o turismo nos Açores, com um crescimento nas dormidas (12%) e receitas totais (12,6%).

Os resultados revelam ainda que os Açores funcionaram em Janeiro em contraciclo, dada a tendência nacional de quebra que se verificou de forma particular em Lisboa, na Madeira e no Algarve.

Em termos absolutos, em Janeiro, os Açores arrecadaram 1,9 milhões de euros, quando no resto do país se verificou uma quebra de 11,6 % para 81,5 milhões de euros face a Janeiro do ano passado.

A nível da taxa de ocupação e número de noites, os resultados foram também modestos em todo o país. Nos Açores, registaram-se crescimentos homólogos de 0,5 pontos percentuais e 0,1 pontos percentuais.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Nove mais Quatro? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos