Economia

Angra é o concelho mais feliz do país

  • 18 de Março de 2009
  • 216 Visualizações, Última Leitura a 18 Agosto 2017 às 01:09
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

A Câmara Municipal quer aproveitar ao máximo as potencialidades do Estudo do Instituto de Tecnologia Comportamental (INTEC), em parceria com o semanário SOL, que aponta Angra do Heroísmo como o concelho como o mais feliz de Portugal.
 
Angra ocupa a primeira posição, de uma lista de 20 concelhos analisados no estudo “Os Melhores Municípios para Viver”.

Para esta distinção, contribuíram os melhores resultados em 10 categorias. Angra do Heroísmo destaca-se, sobretudo, pela diversidade, tolerância e segurança, pela sua identidade, cultura e lazer. Trata-se ainda de um dos concelhos com menor taxa de desemprego do país e menos criminalidade.

No segundo e terceiros lugares deste estudo, aparecem Portimão e Albufeira, dois municípios do Algarve que revelaram bons resultados em categorias como a saúde, o ensino e a formação, o turismo e o emprego, ou o urbanismo e a Habitação.

São João da Madeira surge como o concelho mais limpo e cuidado e o Funchal destaca-se também em relação à felicidade e ao turismo.

Os resultados baseiam-se em 4.109 entrevistas, por telefone, aos residentes nos 20 municípios do país, entre Setembro a Dezembro do ano passado.

O município de Angra do Heroísmo, nos Açores, foi o que obteve indicadores mais favoráveis nesta segunda edição do estudo, liderando uma lista que incluiu ainda Lisboa, Beja, Figueira da Foz, Odivelas, Santo Tirso, Leiria ou Porto, entre outros.

A presidente da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo identifica, com facilidade, os pontos mais apelativos do concelho. “Os jovens, depois de concluídos os seus estudos, regressam à ilha, porque temos bons níveis de empregabilidade” – especifica Andreia Cardoso, que tomou a mesma decisão quando acabou a licenciatura.

A presidente enfatiza outra particularidade: “o acesso a actividades culturais de excelente nível a preços reduzidos e, noutros casos, mesmo gratuitamente”.

O factor proximidade é outro aliado de peso no sentimento de felicidade: “de qualquer ponto da ilha, chega-se a Angra do Heroísmo de automóvel em cerca de 20 minutos”.

Na componente económica, o cenário continua pintado nos tons claros do optimismo. A autarca está satisfeita com o resultado do estudo e com a promoção nacional que dele advém.
 
Gabinete de apoio ao emprego jovem
 
Andreia Cardoso ignora os pormenores técnicos do estudo em causa, conhece apenas o que foi divulgado publicamente e que, para autarca, tratando-se de um trabalho de um instituto de referência só pode ser gratificante.

A presidente da Câmara destaca o investimento realizado nos últimos anos em relação a alguns itens valorizados por este estudo nacional. Contudo, os pontos menos favoráveis para o concelho, como o empreendorismo e a saúde, levam a autarquia a repensar estratégias de desenvolvimento.

A criação de um gabinete de apoio ao emprego jovem é um dos projectos que Andreia Cardoso quer implementar até Setembro. “É importante disponibilizar informação sobre as áreas de investimento, estudos de mercado e de viabilidade económica aos jovens que querem investir no concelho”, referiu. “A autarquia sente uma fragilidade concelhia na criação de empresas e de emprego para o que precisa encontrar soluções adequadas e a curto prazo”, explicou.

O gabinete fará ainda o encaminhamento dos jovens licenciados ou com cursos técnicos sobre qual a melhor área para investir ou encontrar ocupação laboral.

A edilidade espera, neste domínio, uma parceria do executivo regional que é quem tem competências e experiência nesta área de intervenção.

Andreia Cardoso sublinhou ainda “a importância que tem fixar os jovens no concelho, não só pelo rejuvenescimento populacional de que vai beneficiar no futuro, como pelo empreendedorismo assente em elevado conhecimento”.

A autarca revelou que para “poder informar correctamente”, a autarquia, em parceria com a Câmara do Comércio, vai "encomendar um estudo especializado sobre quais são as áreas de maior carência no concelho de Angra do Heroísmo”.

Por outro lado, adiantou, “os jovens terão acesso a acções de formação específica sobre como formar e gerir uma empresa”. Na área da saúde poderão surgir algumas parcerias com o Serviço Regional de Saúde.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Dois mais Sete? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos