Economia

Graciosa com porto ampliado

  • 17 de Março de 2009
  • 247 Visualizações, Última Leitura a 19 Outubro 2017 às 17:25
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O secretário regional da Economia, Vasco Cordeiro, inaugurou ontem as obras de ampliação do porto comercial da Graciosa.

Orçadas em cerca de quatro milhões de euros, as obras efectuadas o ano passado permitiram aumentar a zona acostável do porto para cerca de 220 metros, o que permite a operação simultânea de dois navios.

No entanto, os trabalhos mereceram criticas de diversos sectores devido ao facto de a infra-estrutura continuar a ter constrangimentos de ordem operacional motivados pelo mau tempo ou pelas correntes marítimas.

Falando durante a cerimónia de inauguração das obras, Vasco Cordeiro referiu que a infra-estrutura será “fundamental” para o desenvolvimento da Graciosa.

Segundo o secretário regional da Economia, a concretização das obras “constitui mais um exemplo da determinação do Governo em contribuir para o desenvolvimento económico da ilha e de toda a Região no seu conjunto”.

Vasco Cordeiro disse ainda que “o Governo dos Açores não exclui ninguém na estratégia que tem vindo a ser implementada para o desenvolvimento regional”.

Como exemplo do leque de investimentos que o executivo açoriano tem vindo a desenvolver na Graciosa, o secretário regional da Economia apontou a construção de um novo hotel, o porto de pescas, a recuperação das Termas do Carapacho e os investimentos previstos para o aeroporto local e ainda a construção de um aquartelamento de bombeiros e a aquisição de uma lancha de pilotos para o porto comercial.

Para o secretário regional da Economia, as obras que estão em concretização “não são apenas para satisfação intelectual do Governo ou de quem participa directamente na sua construção mas sim para servir os graciosenses”.

PERIGO ESPREITA

Entretanto, Carlos Brum, do Núcleo Empresarial da Graciosa, considera que é necessário tomar medidas de segurança para evitar acidentes quando estiveram a descarregar em simultâneo dois barcos. “Não se pode estar a movimentar contentores sem que exista uma zona de segurança por onde as pessoas possam circular no porto”, referiu,

Carlos Brum adiantou que como as obras de ampliação “o porto ficou melhor” e que existem agora condições para que a Graciosa seja melhor servida pelas empresas de transportes marítimos.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Oito mais Dois? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos