Economia

Oito em cada dez portugueses vão reduzir as despesas

  • 4 de Março de 2009
  • 243 Visualizações, Última Leitura a 21 Setembro 2017 às 21:03
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Oito em cada dez portugueses acreditam que vão ter de cortar nas despesas nos próximos 12 meses, revela um estudo da TNS sobre o impacto da crise nas atitudes dos consumidores, divulgado hoje.

Reduzir custos é, aliás, a primeira medida de prevenção que os consumidores tencionam adoptar para enfrentar as dificuldades financeiras. E para 55 por cento dos portugueses não vai ser possível poupar durante 2009.

Os inquiridos esperam ajudas das instituições bancárias para ajudar a gerir a situação financeira em tempo de crise e 67 por cento põe nos bancos a responsabilidade de divulgar informação para ajudar a compreender a crise e as suas implicações. A grande maioria pede mais facilidade na gestão do dinheiro e novos produtos que conjuguem baixo risco com rentabilidade.

O estudo, realizado em 11 países, revela ainda que a maioria dos entrevistados acredita que a crise financeira vai durar, pelo menos, mais dois anos. Cerca de 72 por cento dos ingleses, franceses e portugueses dizem que o actual cenário vai ter como consequência uma depressão global.

A recolha da informação em Portugal foi realizada na segunda semana de Janeiro, através de entrevistas telefónicas. A amostra final foi de 966 entrevistas.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Quatro mais Três? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos