Economia

Festa Redonda promove Congresso de Economia na ilha Graciosa

  • 12 de Junho de 2008
  • 337 Visualizações, Última Leitura a 23 Outubro 2017 às 11:02
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O Projecto Festa Redonda vai realizar na ilha Graciosa, de 21 a 25 de Fevereiro, um Congresso de Economia, subordinado ao tema “A Graciosa e os Desafios do Desenvolvimento no Século XXI”, promovido em colaboração com docentes do Departamento de Economia, Gestão e Engenharia Industrial da Universidade de Aveiro.

Um dos oradores presentes no congresso será o professor António Carrizo, que se tem dedicado ao estudo das problemáticas do empreendedorismo. O evento trará vários empresários do continente à ilha Graciosa e envolverá as principais forças vivas da ilha.

No evento serão, ainda, abordados diversos temas ligados à micro-economia da ilha, tais como a pesca, a agricultura, o comércio, os produtos da ilha (vinho, alho e meloa), os transportes aéreos e marítimos de passageiros e carga, o turismo como vector de desenvolvimento estrutural sustentado, o ambiente, entre outros.

Este é o primeiro de uma série de congressos, incluído no programa Turismo de Congressos, que o Projecto Festa Redonda levará a efeito mensalmente na ilha Graciosa (e nas outras cinco “ilhas da coesão”) durante o ano de 2008, subordinados a temas diferentes, e que visam promover o turismo nesta ilha, sobretudo na época de Inverno. Ao mesmo tempo, os organizadores promoverão a animação do congresso com visitas guiadas aos pontos turísticos, com mostras de produtos locais (vinho, alho e meloa) e, ainda, com sessões de teatro e concertos de música levados a efeito por grupos do próprio Festival Festa Redonda 9 ilhas, 9 artes que, para esse efeito, se deslocarão propositadamente à Graciosa.

Rui Neto leva aos Açores a peça “E ele inquieto busca a tempestade como se na tempestade houvesse paz", uma criação independente a partir de Três Irmãs de Tchékhov. O actor é conhecido do grande público pela sua participação recente nas novelas da SIC “Vingança” e “Resistirei”. Os Fitacola marcam a programação musical paralela a este congresso: misturam o rock, o punk e o ska com muita garra; cantam em português e dizem-se uma banda de intervenção.

Segundo os organizadores, esta será uma oportunidade única de reflexão, debate e convívio entre os empresários da ilha Graciosa e os empresários do Continente que, certamente, resultará numa rica troca de experiências e em novas oportunidades de negócio, para além de animação da ilha na chamada “época baixa.”

Por razões logísticas, a iniciativa envolverá também a ilha Terceira, com uma visita guiada à cidade da Praia da Vitória (cuja autarquia é já parceira do festival), ao roteiro nemesiano (recorde-se que Vitorino Nemésio é patrono do evento) e a de Angra do Heroísmo, cidade Património Mundial da Humanidade. Nesta ilha, o festival promoverá no dia 25 de Fevereiro à noite uma sessão de teatro em Angra do Heroísmo.

O projecto Festa Redonda, 9 ilhas, 9 artes é patrocinado pelo Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, e visa contribuir para o desenvolvimento socio-económico e cultural dos Açores.

Programa:

Quinta-Feira – Dia 21 de Fevereiro de 2008
Congressistas do Porto

04.30 – Check-in: aeroporto Francisco Sá Carneiro (Porto).
06.00 – Partida do Porto (TP 414).
06.55 – Chegada a Lisboa.
08.00 – Partida de Lisboa (S4 8821).
Congressistas de Lisboa
06.30 – Check-in: Aeroporto da Portela (Lisboa)
08.00 – Partida de Lisboa (S4 8821).
09.35 – Chegada ao aeroporto das Lajes (Terceira).
10.30 – Recepção na Câmara Municipal da Praia da Vitória, parceira do projecto Festa Redonda. Breve visita guiada à cidade da Praia da Vitória (terra natal de Vitorino Nemésio, patrono do festival) e ao roteiro Nemesiano.
12.00 – Almoço no aeroporto das Lajes.
13.00 – Check-in: aeroporto das Lajes.
14.00 – Partida da ilha Terceira (SP 640).
14.30 – Chegada à ilha Graciosa.
14.45 – Recepção aos Congressistas pelo Presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, José Ramos Aguiar, e pelo Presidente da Associação Cultural Festa Redonda, Eng.º José Manuel Cunha.
15.00 – Instalação nas unidades hoteleiras. Descanso
17.00 – Visita guiada às 9 exposições de Escultura do Festival Festa Redonda, 9 ilhas, 9 artes patentes ao público em Santa Cruz da Graciosa no âmbito do certame. Visita conduzida pelo escultor Hélder Carvalho.
20.00 – Jantar no Restaurante Apolo 80.
22.00 – Visita ao Museu da ilha Graciosa. Visita guiada pelo Dr. Jorge Cunha, Director do Museu da ilha Graciosa.
Sexta-Feira – Dia 22 de Fevereiro de 2008
09.30 – Sessão de abertura Presidida por Sua Excelência, o Senhor Presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa, José Ramos Aguiar. Alocução de boas-vindas pelo Presidente da Associação Cultural Festa Redonda, Eng.º José Manuel Cunha.
10.00 (Palestra 1) Ilha Graciosa. Breve caracterização sócio-económica e cultural, pelo Dr. Jorge Cunha, Director do Museu da ilha Graciosa, e Parcerias entre as empresas.
10.45 – Debate
11.00 – Coffee – Break
11.30 – (Palestra 2) A realidade do sector agro-pecuário na ilha Graciosa, pelo Dr. Luís Henrique Silva, Presidente da Associação de Agricultores da Gracios, e O Associativismo na Produção, pelo Eng.º Luís Soares, da Pronicol, Productos Lácteos, SA.
12.15 – Debate
12.30 – Almoço no Restaurante Apolo 80
14.30 – (Palestra 3) Perspectivas para o futuro do sector comercial na Graciosa, por Carlos Brum, Câmara do Comércio de Angra do Heroísmo na Graciosa.
15.15 – (Palestra 4) A Importância do sector das pescas na micro-economia da Graciosa, por João Manuel Picanço Ataíde, Presidente da Associação de Pescadores Craciosenses.
16.00 – Debate
16.30 – Coffee – Break
17.00 – (Palestra 5) O "drama" dos transportes na ilha Graciosa - transporte aéreo e marítimo, de passageiros e de carga e Os problemas do transporte aéreo (SATA) no escoamento do pescado da Graciosa, por Valentim Benjamim, representante dos Armadores da ilha Graciosa.
17.30 – Debate
20.00 – Jantar no Restaurante Dolphin no Carapacho com animação musical (Valdemiro).

Sábado – Dia 23 de Fevereiro de 2008

10.00 – (Palestra 6) O empreendedorismo como solução de emprego em economias de pequena escala, a exemplo da Graciosa.
10.45 – Debate
11.00 – Coffee - Break
11.30 – (Palestra 7) O turismo nas "Ilhas da Coesão" como opção estrutural de desenvolvimento sustentado.
12.15 – Debate
12.30 – Almoço no Restaurante Apolo 80
14.30 – (Palestra 8) O turismo rural na ilha Graciosa, por Aldino Machado de Melo, empresário do sector turístico.
15.15 – (Palestra 9) Como vencer os desafios do futuro? O turismo, o comércio, a agricultura, as pescas, o artesanato, os transportes, por Luís Vasco Gregório, empresário da ilha Graciosa.
16.00 – Debate
16.30 – Coffee – Break
17.00 – (Palestra 10) A Adega e Cooperativa Agrícola da ilha Graciosa e a cultura do vinho e da vinha na ilha, por João Picanço, Presidente da Direcção, e As culturas da ilha Graciosa: o vinho, o alho e a meloa, pelo Eng.º Hélder Bettencourt, dos Serviços Agrícolas da ilha Graciosa.
17.30 – Debate
17.45 – Sessão de encerramento por sua Excelência, o Senhor Presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz da Graciosa.
20.00 – Jantar no Restaurante Greenlight
22.00 – Actividade cultural: Grupo de Dança Tradicional
23.00 – Concerto de punk-rock (banda Fitacola, Festival Festa Redonda).

Domingo – Dia 24 de Fevereiro de 2008

10.00 – Volta à ilha. Passeio turístico. Visita guiada pela ilha Graciosa.
12.30 – Almoço no restaurante Dolphin no Carapacho
14.30 – Continuação do passeio turístico pela ilha.
20.00 – Jantar no restaurante José João, na Praia, com animação musical (grupo de violas tradicionais de Guadalupe)
21.30 – Sessão de teatro (grupo de teatro de Rui Neto, Festival Festa Redonda)

Segunda-feira - Dia 25 de Fevereiro de 2008

10.00 – Check-in no aeródromo da ilha Graciosa
11.20 – Partida da ilha Graciosa (SP 640) com destino à ilha Terceira.
11.50 – Chegada à ilha Terceira. Assistência e transporte para o hotel Terceira Mar Hotel em Angra do Heroísmo. Assistência prestada pela Turangra.
13.00 - Almoço.
15.00 – Visita guiada à cidade de Angra do Heroísmo, cidade Património Mundial da Humanidade, classificada pela UNESCO.
20.00 – Jantar no hotel.
21.30 – Sessão de teatro pelo grupo de Rui Neto, Festival Festa Redonda.

Terça-feira - Dia 26 de Fevereiro de 2008

7.00 - Pequeno-almoço no hotel.
11.00 – Partida do hotel para o aeroporto das Lajes. Check-in para embarque com destino a Lisboa e Porto.
13.15 – Partida da ilha Terceira (S4 8817).
16.30 – Chegada a Lisboa.
18.05 – Partida de Lisboa com destino ao Porto (TP 563).
18.55 – Chegada ao Porto.

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Oito mais Cinco? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos