Economia

DE FLORES & PARREIRA - Novo espaço dedicado à pesca na Atalaia

  • 9 de Junho de 2008
  • 261 Visualizações, Última Leitura a 23 Agosto 2017 às 00:39
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *
 

A conhecida empresa terceirense, Flores & Parreira abriu portas no passado sábado a um espaço dedicado à pesca lúdica ou profissional. A reformulação interior da sede, na Atalaia – Ribeirinha, proporcionou á criação de uma espécie de ‘mercado’ para os amantes do mar, onde estes podem encontrar tudo o que precisam para a actividade.

“Este ampliar da oferta vai servir como complemento aos nossos clientes, quer os que nos procuram para o sector náutico dos barcos, quer para os clientes do nosso espaço agrícola, que têm por passatempo a pesca”, refere Pedro Parreira.

Apostas

“A inauguração do espaço correu muito bem, não era nossa intenção receber multidões, queríamos abrir dando a máxima atenção a todos que nos visitassem”, realça o responsável.

 Efectivamente a grande aposta da empresa está no tipo de serviço que pretendem prestar ao cliente. “Personalizar ao máximo o atendimento, ouvir as necessidades das pessoas e satisfazer os pedidos o melhor possível”, destaca. Para tal foi contratado um colaborador especializado no ramo e com largos anos de experiência de forma a poder ser uma ajuda real ao ‘pescador’.

Outra das apostas está centrada na variedade de oferta, nos cerca de oitenta metros quadrados dedicados à exposição de produtos encontramos de tudo um pouco, como explica Pedro Parreira: -“queremos complementar a oferta náutica que já possuímos oferecendo um leque substancial de referências para a pesca da barco, nas suas vertentes todas, mas preocupamo-nos em ter igualmente uma variedade interessante para quem vai à pesca para o calhau, como forma de relaxar e distrair”.

Os preços em tempos de crise são sempre um argumento muito forte para a maioria dos compradores. Neste particular a Flores & Parreira também acredita ter uma excelente proposta aos visitantes. “Na nossa ilha não existe muita oferta neste sector, logo já encontramos uma quantidade considerável de pessoas que recorrem à Internet para comprar os seus produtos, isso é para nós um desafio acrescido, e pesamos ter preços competitivos não só para o mercado local, mas também para combater a concorrência das novas tecnologias”, frisa Pedro Parreira.

Expectativas elevadas

Todos na empresa acreditam no sucesso deste novo empreendimento. O conhecimento profundo do mercado local, fruto de muitos anos a lidar com as gentes e empresários da terra, é uma mais valia à Flores & Parreira para conquistar o público-alvo e atingir os objectivos. Sempre com cautela de quem anda cá muito tempo, Pedro Parreira sublinha o trabalho de preparação deste novo negócio: -“não entramos em investimentos loucos, delineamos uma estratégia com base nas exigências dos potenciais clientes para o espaço. Vamos assentar o nosso trabalho em três premissas importantes, qualidade, atendimento e preço, e crescer de acordo com a interacção permanente com os clientes”.

Para já de salientar que a Terceira tem mais um espaço dedicado ao mar e à pesca, dando valor ao que é um dos mais importantes recursos da região, quer em termos económicos, quer em termos lúdico-desportivos.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Cinco mais Oito? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos