Economia

CENTRO LOCAL DE APRENDIZAGEM - Universidade Aberta em Setembro na Praia

  • 2 de Junho de 2008
  • 314 Visualizações, Última Leitura a 19 Agosto 2017 às 18:39
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

A Universidade Aberta (UAb) vai abrir no próximo ano lectivo o primeiro Centro Local de Aprendizagem (CLA) na Praia da Vitória.
A iniciativa, que resulta de uma parceria entre a Universidade Aberta e a Câmara Municipal da Praia da Vitória, faz parte de uma estratégia nacional deste estabelecimento de ensino superior, que vai abrir vários centros do género.
O Centro Local de Aprendizagem será um espaço onde o estudante poderá desenvolver as suas responsabilidades de aprendizagem, mediadas tecnologicamente e promovidas no campus virtual.
Estes centros, que vão surgir da reestruturação dos Actuais Centros de Apoio da UAb, e da construção de raiz de novos espaços para alojar os CLA, resultam da criação de parcerias entre a Universidade Aberta e a sociedade civil e local, organizando-se em rede e sendo coordenados pela UAb.
Os CLA vão estar distribuídos por todo o território nacional, agrupados em três grandes zonas (Norte, Centro, Sul e Ilhas), sendo coordenados pelas Delegações do Porto, Coimbra e Sede Central (Lisboa).
Ontem, Praia da Vitória, na assinatura de um protocolo de cooperação entre as duas entidades, o reitor assumiu o papel pioneiro desta universidade na aproximação do ensino superior às populações.
A Universidade Aberta, que será coordenada na Terceira pelo professor Rogério Sousa, anunciou ainda que vai realizar uma série conferências e palestras, com figuras nacionais ligadas à economia, literatura e ciências sociais, para promover este CLA na ilha.
Roberto Monteiro, na ocasião, destacou o facto desta iniciativa estar integrada num dos “eixos do desenvolvimento do concelho” e alega que esta acção será sustentável se assentar na valorização profissional e de competências dos recursos humanos”.
O autarca assegura que já colocou em prática várias medidas para reforçar a aposta na educação no concelho. “Além desta iniciativa com Universidade Aberta, já implementámos o ensino do inglês no 1º Ciclo, a ciência divertida nas escolas e num ATL municipal, oficinas de novas tecnologias para ocupação de tempos livres nas férias escolares e temos um computador por cada 4 alunos nas nossas escolas do 1ª Ciclo do Ensino Básico”, acrescentou.
Segundo Roberto Monteiro este projecto com a Universidade Aberta vai promover o desenvolvimento educativo, formativo e tecnológico numa modalidade com recurso à nova geração do ensino à distância.
A autarquia praiense é responsável pela cedência e manutenção das instalações, bem como pelo financiamento dos equipamentos, enquanto a Universidade dos Açores se responsabiliza pelo serviço de exames, vencimento do coordenador do Centro e promoção dos cursos.
No próximo ano lectivo este Centro ficará instalado no antigo edifício da Escola do 1º Ciclo do Ensino Básico Vitorino Nemésio, contudo, segundo o autarca da Praia, no ano seguinte deverá mudar-se para a sede da Academia da Juventude (antiga sede da Filarmónica União Praiense), que começará a ser construída na primeira semana de Junho próximo.
Segundo conseguimos apurar, vão ser disponibilizadas cerca de três centenas de disciplinas que poderão ser frequentadas individualmente, em cursos de curta duração, criados especificamente de acordo com as necessidades dos alunos e do concelho da Praia da Vitória.
Toda a oferta de ensino desta Universidade está de acordo com a reestruturação exigida pelo Processo de Bolonha e do ensino à distância, que incluiu as novas tecnologias da informação e comunicação, bem como assistência personalizada aos alunos.
A Universidade Aberta tem cerca de 10 mil alunos, dos quais dois mil em África e mais de 300 nos Açores.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Quatro mais Cinco? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos