Economia

VIAGENS TELES - Agência mais antiga da Terceira premiada a nível nacional

  • 29 de Maio de 2008
  • 324 Visualizações, Última Leitura a 23 Agosto 2017 às 00:40
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

 

A agência de viagens Teles foi recentemente premiada pela empresa multinacional ‘Galileo’ como um dos principais parceiros a nível nacional. O “Top Azores Award” ganho pela empresa terceirense foi recebido numa gala realizada no Casino Estoril, em Lisboa, que serviu para comemorar os 15 anos da Galileo Portugal. Gerardo Teles, responsável da agência, não esconde a satisfação de ser distinguido com esse importante prémio do sector do turismo: “é sempre importante ver o nosso trabalho reconhecido, serve de estímulo para continuar a melhorar, inovar e crescer”.

A empresa

São mais de 60 anos a trabalhar no sector do turismo, fundada a 14 de Junho de 1947, por José Torres Teles, a empresa tem vindo firmar créditos no panorama regional, com várias distinções por méritos próprios.

Gerardo Teles, filho do fundador, destaca os 19 anos consecutivos a ganhar o ‘top TAP’: “desde 1988 que somos a agência de viagens premiada pela TAP como o melhor parceiro no arquipélago”. Mesmo não estando no maior mercado regional, São Miguel, a empresa consegue apresentar grandes resultados comerciais, motivo de orgulho para todos.

Com instalações na cidade de Angra do Heroísmo, Praia da Vitória e Madalena do Pico, a Agência Teles emprega 16 funcionários e conta com uma enorme carteira de clientes. Paralelamente ao transporte aéreo, a empresa conta ainda com um trabalho importante no sector dos transportes marítimos, através da ‘Oceânica’, que presta serviço, por exemplo, aos barcos americanos.

Turismo de hoje

“O fluxo turístico para a ilha Terceira está efectivamente a crescer, já temos mais capacidade de receber pessoas e, fundamentalmente, mais diversidade nas ofertas ao turista”, diz Gerardo Teles. A promoção da região traz cada vez mais pessoas à descoberta dos Açores, e a Terceira também ganha com este aumento da curiosidade geral.

A liberalização dos transportes aéreos é apontada por muitos como uma forma de gerar mais e melhor turismo para a região, Gerardo Teles não é dos mais defensores dessa teoria: “acredito que o nosso mercado não estimula interesse de muitas companhias estrangeiras, se o fizesse elas já teriam pressionado mais essa abertura do espaço aéreo”.

As apostas devem voltar-se para os nichos de negócio e para grupos específicos, isto de acordo com o responsável pela agência, que destaca “o turismo de congressos, os grupos de empresas que deslocam grande numero de pessoas, o turismo de lazer desportivo, aproveitando as boas condições para a prática de algumas modalidades”. O mesmo empresário realça que só dessa forma se consegue dinamizar a enorme época baixa que os Açores apresentam, promovendo inclusivamente o destino junto dessas pessoas que podem regressar no Verão para desfrutar de outro tipo de experiências.

Fernando Pereira

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Nove mais Seis? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos