Economia

Patrões e sindicatos analisam pacto de crescimento

  • 6 de Janeiro de 2011
  • 227 Visualizações, Última Leitura a 19 Agosto 2017 às 05:32
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Os parceiros sociais e o Governo iniciam hoje a discussão da iniciativa para a Competitividade e Emprego, já publicada em Diário da República, que prevê cerca de 50 medidas para relançar a economia.

Esta será a primeira de oito reuniões de concertação social que decorrerão até fevereiro para discutir a iniciativa do Governo, e o secretário geral da UGT, João Proença, disse à agência Lusa que o encontro de hoje deverá ser dedicado às politicas ativas de emprego.

"Esperamos que o governo nos apresente uma proposta para discutir nas reuniões seguintes", afirmou.

O sindicalista considerou que muitas das matérias que vão estar em discussão já foram analisadas no âmbito da discussão do Pacto para o Emprego.

Ao ritmo de duas reuniões semanais, Governo, patrões e sindicatos voltam a juntar-se este mês nos dias 10, 14, 18, 19, 24 e 26 e em fevereiro no dia 7.

Para aumentar a competitividade no mercado de trabalho, o Governo prevê, nomeadamente, a criação até ao final de março de um fundo para despedimentos que assegure o pagamento de 50 por cento do valor das respetivas indemnizações.

O Executivo pretende ainda, entre outras medidas, limitar os valores das indemnizações devidas aos trabalhadores em caso de cessação do contrato de trabalho, aplicável aos contratos a celebrar após a data da sua entrada em vigor.

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Quatro mais Três? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos