Economia

Formação da ART em São Jorge - Interpretar o ambiente é bom para o turismo

  • 25 de Novembro de 2010
  • 217 Visualizações, Última Leitura a 20 Agosto 2017 às 17:14
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

É importante adquirir conhecimentos sobre a fauna e flora dos Açores, assim como sobre os seus endemismos e a sua conservação para se apostar num turismo natural.

Quem o diz é Eduardo Dias, professor da Universidade dos Açores que irá dar uma formação na ilha de São Jorge sobre a Interpretação Ambiental da Fauna e Flora dos Açores.

Esta é uma ação promovida pela ART, Associação Regional do Turismo, em parceria com a Escola Profissional de São Jorge, que pretende sensibilizar para a realização de atividades de animação turística em zonas protegidas e ecossistemas sensíveis.

A Fauna e flora dos Açores, assim como a floresta Laurissilva, são elementos que, de certa forma, podem estar ligados ao turismo, possibilitando o conhecimento do património natural dos Açores, defende o formador.

Para Eduardo Dias, há uma certa necessidade de "adquirir conhecimento sobre as zonas protegidas da região para que sejam vistas como produto turístico", ou seja, "não descurar o valor natural, mas sem ofuscar o património cultural", defende.

Este curso teórico-prático será administrado de três a cinco de dezembro e é destinado a pessoas que desenvolvam ou pretendam desenvolver funções em empresas de animação turística, guias turísticos ou a estudantes de turismo e ambiente.

A atividade está inserida num programa desenvolvido pela ART de ações de qualificação da oferta turística.

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Nove mais Oito? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos