Economia

Triângulo servido por catamarã veloz

  • 23 de Novembro de 2010
  • 230 Visualizações, Última Leitura a 25 Setembro 2017 às 06:03
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

A Atlânticoline já lançou um concurso público para construção de dois navios monocasco a operar entre as ilhas do Triângulo, estima-se que a partir de 2012, mas o estudo sobre transportes marítimos encomendado à empresa britânica BMT coloca outra hipótese: A "utilização de um catamarã rápido de 250 passageiros como alternativa rápida e de baixo custo durante todo o ano".

Recorde-se que os dois navios lançados a concurso serão do tipo monocasco (casco em aço e superstruturas em alumínio) de classe B, tendo o primeiro capacidade para 298 passageiros e seis viaturas, enquanto o segundo poderá transportar 214 passageiros e 12 viaturas.
 
As duas embarcações deverão chegar a uma velocidade de 15 a 17 nós.

O estudo da BTM coloca também para o chamado "Triângulo Interno" a possibilidade de ser usado um navio convencional de 250 passageiros e seis carros, "para maior estabilidade da embarcação, mas com duração mais longa e, ao mesmo tempo, mais cara", sendo esta a opção que mais se cola à decisão anunciada pela Atlânticoline no início deste mês.

No caso da ligação entre a Madalena e a Horta, o estudo recomenda que deve ser escolhido, para uma maior segurança dos passageiros em virtude das más condições de mar, um navio pequeno, mais robusto, monocasco, de 300 passageiros com capacidade para seis viaturas.

No caso da rota Flores-Corvo é adiantado que o serviço ininterrupto deve continuar com "a configuração atual com um navio convencional pequeno (12 pax) sem capacidade para carros".

Em causa estão as opções indicadas pela BMT "que correspondem à procura prevista dos passageiros via marítima, com o nível mínimo de subsídios".


Terceira

Quanto às ligações "Santa Maria- São Miguel- Terceira - Triângulo" o serviço sazonal seria assegurado com um único navio, usando um de alta velocidade (28 nós), com capacidade para passageiros na faixa dos 600 a 800 e capaz de transportar 150 a 190 viaturas.

"Um navio de 35 nós seria mais rápido mas ao mesmo tempo consumiria mais combustível, constituindo uma alternativa mais cara", é considerado.

Já em relação às ligações "Triângulo- Graciosa- Triângulo e Terceira", a principal opção apontada é a de uma operação durante todo o ano, "servindo o Triangulo com serviço sazonal na Graciosa-Triângulo e nas ligações Terceira- Graciosa, usando um catamarã de alta velocidade (26-28 nós) com capacidade para 250 passageiros e sem capacidade para veículos".

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Nove mais Oito? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos