Economia

Apostar na criação de novos negócios nos Açores

  • 19 de Novembro de 2010
  • 239 Visualizações, Última Leitura a 24 Outubro 2017 às 10:37
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *


O Governo dos Açores tem vindo a desenvolver um conjunto de medidas que permitem “tornar cada vez mais motivadores para todos os jovens os programas de apoio ao empreendedorismo no sentido de que as suas ideias possam ser concretizadas com a criação de novos negócios e de novas oportunidades de emprego”. A ideia foi vincada, ontem, em Ponta Delgada, pelo secretário regional da Economia.

Vasco Cordeiro, que falava durante o encerramento da V Gala do Empreendedor, destacou a reforma feita recentemente neste sistema de incentivos e que permitiu dar maior celeridade aos procedimentos de candidatura e à análise dos projectos, para além de reforçar o montante de incentivos disponíveis e as actividades abrangidas.

“Estas alterações”, destacou, “são muito importantes porque nenhum sistema merece a confiança dos investidores se for excessivamente burocratizado”.

O secretário regional da Economia considerou ainda que o empreendedorismo tem estado “no centro das políticas públicas de emprego e de investimento” como se comprova pelo trabalho que tem vindo a ser desenvolvido, não só nas alterações introduzidas ao sistema em si, “mas também pela disponibilização de verbas adequadas para responder aos projectos que são apresentados”.

Um trabalho que, destacou, “tem sido concretizado em conjunto entre diversos departamentos do Governo dos Açores e com as restantes entidades no sentido de criar uma verdadeira cultura de empreendedorismo”.

Vasco Cordeiro salientou, no entanto, que o sucesso deste tipo de políticas “não depende em exclusivo do Governo ou das outras entidades públicas: depende, também, do espírito dos jovens e de todos aqueles que pretendem lançar as suas empresas. É da sua capacidade criativa e da sua vontade em criar projectos inovadores que residem as condições essenciais para o sucesso”.

Para o secretário regional da Economia, “é importante que todos se sintam motivados, já que não é possível criar empreendedores por decreto. Ao Governo cabe desenvolver políticas que potenciem esse espírito empreendedor”.

Vasco Cordeiro anunciou ainda que o Governo dos Açores está a preparar uma alteração profunda ao funcionamento dos Gabinetes do Empreendedor no sentido de os aproximar cada vez mais das necessidades actuais.

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Nove mais Seis? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos