Economia

Padeiros da Terceira decidem não aumentar preço do pão

  • 12 de Outubro de 2010
  • 247 Visualizações, Última Leitura a 19 Novembro 2017 às 04:40
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O preço do pão vai manter-se inalterado até ao final do ano na Terceira, por decisão dos industriais que integram da Mesa de Panificação da Câmara de Comércio de Angra do Heroísmo.

Os industriais decidiram manter o preço do pão apesar dos aumentos das matérias-primas, como as margarinas ou as leveduras, mas alertam que o previsível aumento substancial do preço dos cereais e das farinhas poderá obrigar a um aumento a partir de janeiro.

Para evitar esse quadro, segundo um comunicado divulgado pela Câmara de Comércio de Angra do Heroísmo, os industriais de panificação da Terceira apelaram ao Governo Regional para que mantenha o preço máximo de venda da farinha e reduza o preço do gasóleo.

Os industriais do setor pretendem da panificação ainda um combate mais eficaz contra a economia paralela, o que deve passar por um controlo mais rigoroso da produção dos pequenos produtores, "muitos dos quais não cumprem com as regras exigidas ao nível da higiene e segurança no trabalho".

A Câmara de Comércio de Angra do Heroísmo refere ainda que o preço do pão se mantém estável na Terceira desde fevereiro de 2008, apesar dos aumentos das matérias-primas, que em alguns casos, atingiram 10 por cento.

Recorde-se que o preço máximo do pão é tabelado, anualmente, nos Açores por uma portaria do Governo Regional.

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Dois mais Nove? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos