Economia

Contributos na área do empreendedorismo são importantes

  • 7 de Outubro de 2010
  • 253 Visualizações, Última Leitura a 21 Novembro 2017 às 15:38
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O Presidente do Governo Regional saudou a chegada aos Açores da Associação Aprender a Empreender, filial da empresa "Júnior Achievement Portugal", uma organização mundial, sem fins lucrativos, criada em 1919, nos Estados Unidos, e dedicada à formação de jovens em empreendedorismo, desde o 1º ciclo à Universidade.

No final de uma audiência que concedeu esta tarde ao presidente daquela associação, Carlos César afirmou que é importante ter, a partir de agora, a perspectiva de o Governo Regional estabelecer uma nova parceria numa área em que todos os contributos são importantes, pese embora, o balanço francamente positivo das acções até aqui desenvolvidas pelo executivo.

Referiu, por exemplo, no âmbito do PRO-EMPREGO, acções no domínio do empreendedorismo que contemplaram mais de 900 formandos, implicando um investimento superior a 850 mil euros, e dois projectos em curso, sendo um de educação para o empreendedorismo, que abrange jovens dos 2º e 3º ciclos e do ensino profissional, e o programa JÚNIOR-EMPRESA, que processa uma simulação em contexto empresarial para a criação de negócios.

"Desenvolvemos também, acções de apoio às empresas nestes domínios, e a presença desta associação nesse contexto de parceria e de complementaridade, é saudada em termos gerais e merecerá certamente, em cada caso, uma apreciação positiva e o apoio e a celebração das parcerias que se mostrarem adequadas", admitiu Carlos César.

Para o governante, a matéria em causa é da maior importância para os jovens e para as dinâmicas sociais, empresariais e económicas da região e, "sendo esse objectivo tão relevante, são relevantes todos aqueles que emprestarem o seu esforço à sua concretização, o que é o caso."

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Sete mais Quatro? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos