Economia

Promoção de viagens grátis para os Açores arranca em breve

  • 28 de Setembro de 2010
  • 221 Visualizações, Última Leitura a 19 Agosto 2017 às 03:40
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Arranca já “nos próximos dias” a promoção da campanha promovida pelos hoteleiros regionais, que prevê o pagamento das viagens aos turistas de Portugal Continental que viajem para a Região a partir de Outubro e que por cá permaneçam no mínimo durante cinco dias.

O anúncio foi feito ontem por Vasco Cordeiro, secretário regional da Economia, à margem das comemorações do Dia Mundial do Turismo no Teatro Micaelense, em Ponta Delgada (ver caixa).

Ao Governo Regional cabe a publicitação e promoção da campanha, esclareceu Vasco Cordeiro, que acrescentou que “essa fase está praticamente concluída, prevendo-se que nos próximos dias se comece a ver nos órgãos que estão direccionados para esse efeito exactamente a promoção dessa ideia.”

Sem acrescentar mais pormenores sobre os moldes da campanha, o secretário regional da Economia remeteu para os hoteleiros o esclarecimento das questões subjacentes a esta campanha promocional.


Prioridade ao Turismo de Natureza

Tanto Vasco Cordeiro como Álamo Meneses, secretário regional do Ambiente e do Mar, aproveitaram o facto das comemorações aliarem o Dia Mundial do Turismo ao Ano Internacional da Biodiversidade para destacar a riqueza biológica do arquipélago como a principal mais-valia para a promoção turística dos Açores.”

Nesse sentido, “aprofundar essa relação” e potenciar assim a posição dos Açores como o principal destino de turismo de natureza do país será o caminho a seguir, defenderam os governantes. “Este é um objectivo que queremos prosseguir.

Estamos a dar passos concretos para alcançá-lo, seja através de um cuidado permanente na gestão do nosso meio ambiente, seja também na forma como pretendemos salientar esta relação entre turismo e natureza na promoção da nossa região”, frisou Vasco Cordeiro, secretário regional da Economia.

Álamo Meneses, por seu lado, destacou que “o Ambiente é parte integrante do nosso desenvolvimento e de facto é um importante aliado do crescimento económico”.

Nesse sentido, “é preciso preservar esse enorme património, mas também rentabilizá-lo e ligá-lo à actividade económica, em particular ao nosso turismo”, concluiu.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Dois mais Três? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos