Economia

Emissão de licenças de registo audiovisual de cetáceos suspensa

  • 23 de Julho de 2010
  • 250 Visualizações, Última Leitura a 18 Dezembro 2017 às 16:20
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

A Secretaria Regional do Ambiente e do Mar não irá emitir, este ano, mais licenças para o registo audiovisual de cetáceos nos meses de Julho e Agosto.

A decisão prende-se com a identificação da presença de crias de golfinhos e cachalotes e a pressão que esta actividade em particular lhes provoca.

De acordo com o director regional do Ambiente, "esta decisão poderá ser alargada ou ajustada de acordo com os pareceres técnicos que estamos a elaborar", tendo afirmado que "os nossos turistas são muito exigentes do ponto de vista ambiental e também não toleram a pressão excessiva a que, algumas vezes, se assiste. Portanto, tanto por razões ambientais como por razões económicas, temos que actuar e actuámos.”

Frederico Cardigos referiu que "provavelmente, no próximo ano, no Grupo Central dos Açores, não permitiremos a recolha de imagens durante o pico do Verão.”

O governante sublinhou que o Executivo está a ponderar o alargamento das medidas de protecção aos cetáceos pelo facto de terem "sido relatadas algumas reacções que apontam para uma necessidade de diminuir ainda mais o esforço. Sabemos que isso pode ter um impacto significativo na actividade de observação de cetáceos e, por isso, apenas o faremos após uma discussão mais alargada".

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Três mais Nove? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos