Economia

Linhas de Crédito PME Investe - Uma centena de empresas alvo de financiamento

  • 19 de Julho de 2010
  • 241 Visualizações, Última Leitura a 18 Dezembro 2017 às 14:30
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Cerca de uma centena de empresas dos Açores recorreram até Julho às linhas de crédito 'PME Investe', obtendo créditos no valor global de oito milhões de euros, revelou 6ª feira o presidente do IAPMEI, Luis Filipe Costa.

O presidente do Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação (IAPMEI), entidade parceira da banca na aplicação desse instrumento financeiro criado há dois anos pelo governo para apoio às PME’s, falava em Ponta Delgada na assinatura de um protocolo com o Banco Espírito Santo dos Açores (BESA) para implementação dos financiamentos 'PME Investe'.

Estes financiamentos apenas recentemente foram alargados à região, tendo Luis Filipe Costa sublinhado a partilha de risco entre governo e banca que lhe está associada.

O presidente do IAPMEI destacou também a componente de avaliação das empresas em que assenta esse instrumento financeiro, indicando que as linhas de crédito 'PME Investe' já concederam créditos de 6000 milhões de euros, apoiando 50 mil empresas.

Por seu lado, o presidente do BES, Ricardo Salgado, realçou a importância que o banco atribui ao protocolo hoje assinado enquanto meio de incremento da sua carteira de crédito às empresas.

Segundo dados que revelou, os empréstimos às empresas representam apenas 20 por cento da carteira de créditos do banco nos Açores, quando, a nível nacional, corresponde a 65 por cento dos empréstimos totais.

Ricardo Salgado valorizou também o papel das PME’s na recuperação económica portuguesa, considerando que são portadoras de uma “nova força”, graças a “uma capacidade de inovação” responsável por parte do crescimento em 18 por cento das exportações nacionais na primeira metade deste ano.

A inovação das pequenas e médias empresas abrange inclusivamente sectores tradicionais como o calçado e a industria, referiu o presidente do BES.


BESA é "aposta ganha" nos Açores     

Por seu turno, o presidente do BES, Ricardo Salgado, considerou 6ª feira, em Ponta Delgada, que o Banco Espírito Santo dos Açores (BESA) é uma “aposta ganha”, frisando que já possui uma quota de 12 por cento do mercado bancário regional.

“O BESA é uma aposta vencedora”, afirmou Ricardo Salgado, anunciando a intenção de alargar a actividade deste banco com sede nos Açores às ilhas de Santa Maria, onde já foi adquirido um terreno, e de S. Jorge.

O presidente do BES, que falava aos jornalistas no final de uma audiência com o presidente do Governo Regional dos Açores, Carlos César, salientou que “apesar da crise, o BES continua a apostar e a apoiar projectos relevantes” para o arquipélago, como o novo Hospital da Terceira ou a renovação da frota da SATA.

Ricardo Salgado anunciou ainda que a ESEGUR, que resulta de uma parceria entre o Banco Espírito Santo e a Caixa Geral de Depósito, já tem autorização para iniciar actividade nos Açores como empresa de segurança.

“A ESEGUR foi autorizada a desenvolver actividades como empresa de segurança, nomeadamente no sector bancário”, afirmou, apontando como exemplos dos serviços que pode prestar o transporte de valores e a segurança das máquinas de Multibanco.

“Os Açores são um bom exemplo de administração pública em termos de finanças. O embate da crise foi menor do que em outras regiões, o desemprego não é tão elevado e há potencial para desenvolver novas actividades”, frisou Ricardo Salgado.

Por seu lado, Carlos César, elogiou o “papel muito importante (do BES) no sistema financeiro dos Açores”, enquanto “parceiro do governo, nomeadamente no lançamento de linhas de crédito”.

“O BES tem sido uma entidade com quem temos colaborado com regularidade e confiança”, frisou o presidente do governo açoriano.

Carlos César salientou que, com os acordos feitos com a banca, o investimento público previsto e os apoios ao investimento privado disponibilizados, “serão criadas condições para estabilizar a economia dos Açores”.

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Quatro mais Quatro? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos