Economia

Tarifas mais baratas - opinião

  • 26 de Março de 2008
  • 281 Visualizações, Última Leitura a 20 Outubro 2017 às 00:27
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

 

 

 É já no próximo domingo, dia 30, que começam a vigorar nos voos da SATA Air Açores as tarifas promocionais para residentes nos Açores. Serão tarifas mais baratas para os açorianos poderem viajar inter-ilhas em nove dos 12 meses do ano.

 

A iniciativa é do CDS-PP. Foi apresentada em Novembro passado, analisada em Dezembro e votada no Parlamento em Janeiro último. Como Partido da oposição mais não podíamos fazer do que propor ao Governo dos Açores que recomendasse à SATA a implementação de tarifas mais acessíveis para todos nós.

Como só isso estava ao nosso alcance foi só isso que fizemos. E fizemo-lo a favor dos Açorianos!

Para já, o instituído é que, para pelo menos 10 por cento dos lugares disponíveis no avião, para qualquer rota interna, sejam efectuados descontos de 30 por cento no valor base das tarifas. Não é bem o que o CDS-PP queria, mas já é um primeiro passo. Não podemos cair na tentação soviética de dar tudo a todos. Somos responsáveis. No entanto, não somos partidários do “é melhor do que nada”. Vamos continuar a batalhar para que os açorianos possam vir a ter descontos ainda mais acentuados, particularmente nas rotas cujas tarifas são mais elevadas.

Alguns exemplos práticos da proposta prática que o CDS-PP fez: a tarifa Terceira-Ponta, Delgada-Terceira é, actualmente, de 146 euros, passando a 102 euros com o desconto de 30%; a tarifa Terceira-Horta-Terceira é de 140 euros, ficando em 98 com os 30% de desconto; a viagem Terceira-Pico-Terceira é de 136 euros, baixando para 95,2 euros com o desconto; partindo da Terceira em direcção às Flores e regressando, custa hoje 142 euros, mas a partir de domingo custará 99 euros.

O CDS-PP, quando apresentou esta proposta fê-lo com o intuito de poder proporcionar aos açorianos residentes uma possibilidade mais real de conhecerem os açorianos da ilha vizinha.

Actualmente ainda são muitos os açorianos que não conhecem as ilhas dos Açores e alguns não conhecem qualquer outra para além da sua.

O turismo interno apresenta ainda hoje valores que ficam aquém do desejável no prosseguimento da política de desenvolvimento deste segmento de mercado nos Açores. Numa primeira análise, tudo leva a crer que se fossem praticadas tarifas promocionais pela SATA Air Açores, para açorianos residentes e suas famílias, não só se contribuiria para o desenvolvimento económico como para o conhecimento das ilhas por parte dos açorianos, factor este importante para o fortalecimento da coesão e unidade da Região.

Para além disso, era verdadeiramente discriminatório para a maioria dos açorianos a prática, por parte da SATA Air Açores, de outras tarifas, especialmente as tarifas para os norte-americanos estacionados na Base das Lajes, seus familiares e amigos.

Ora, sendo a SATA uma companhia aérea regional deve, no entender do CDS-PP, primeiramente servir os açorianos residentes e então depois cativar outras franjas do mercado, e não o inverso, fazendo com que os residentes acabem por pagar para que outros voem mais barato.

A instituição destas tarifas promocionais, nas ligações aéreas inter-ilhas, para residentes na Região, estarão ao dispor de todos quantos queiram viajar no período compreendido entre 1 de Setembro e 31 de Maio.

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Dois mais Um? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos