Economia

Turismo: País melhora Açores estagnam

  • 13 de Maio de 2010
  • 215 Visualizações, Última Leitura a 18 Agosto 2017 às 01:00
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Dados publicados no início da semana pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) indicam que, apesar de o número de dormidas ter aumentado em todo o país, nos Açores este valor estabilizou.

Concretamente, falamos de um decréscimo de 0.3 porcento no número de dormidas na região durante o mês de março, relativamente ao período homólogo de 2009, enquanto as regiões continentais do Norte, Centro e Alentejo verificaram crescimentos com taxas superiores a 10%, indica o levantamento.

O presidente do Observatório Regional de Turismo, Carlos Santos, justifica esta discrepância com a divergência de mercados turísticos com destinos para Portugal continental e para os Açores.

“As dormidas cresceram, sobretudo, nos mercados espanhol e italiano, que não são mercados dos Açores. O mercado espanhol é de proximidade, incidindo nas pessoas que vivem perto da fronteira e que se deslocam com grande facilidade para Portugal”, explicou Carlos Santos.

Disse, ainda, que, “por sermos um destino insular, a crise tem repercussões graves em termos de emprego e de rendimento disponível das pessoas. O facto de sermos acessíveis apenas por avião, sendo o preço dos pacotes para os Açores agravado pela crise, penaliza a deslocação de turistas”.

O documento revela que, na região, durante o mês de Março, contabilizaram-se 58.9 mil dormidas. Constituímos, por comparação taxativa, a região com menor fluxo turístico: do total em Portugal de 2499.5 mil dormidas, 783.8 mil verificaram-se no Algarve, 383.5 mil na Madeira e 82.7 mil no Alentejo.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Dois mais Três? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos