Economia

Terceira mantém liderança na retoma de embalagens

  • 15 de Abril de 2010
  • 217 Visualizações, Última Leitura a 19 Agosto 2017 às 03:45
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

A ilha Terceira exportou no primeiro trimestre deste ano 979 toneladas de resíduos resultantes da recolha selectiva para reciclagem, garantindo o primeiro lugar, a nível nacional, nas retomas per capita com valores na ordem dos 16 quilos por habitante.

Os dados foram divulgados pela Sociedade Ponto Verde, entidade licenciada para gerir e promover a selecção, recolha e reciclagem de  embalagens em Portugal, e revelam em termos sectoriais que as retomas per capita de papel/cartão e vidro são as mais elevadas do país com 8,1 e 6,5 quilos por habitante respectivamente enquanto que as retomas de plástico rondam os 1,28 quilos por habitante.

A ilha Terceira ocupa desde Janeiro de 2009 o primeiro lugar nas retomas. Ao longo do ano passado as retomas daquele tipo de resíduos na Ilha Terceira ascenderam a cerca de 59 kg por pessoa. São dados que assumem particular relevância, se tivermos em conta que em 2007 a Terceira ocupava o quarto lugar daquele ranking, com uma retoma de 39,2 kg por pessoa.

A presidente da Câmara Municipal, Andreia Cardoso, entende que o êxito desta acção deve-se ao “empenho dos angrenses”.

“As famílias do concelho estão a separar os seus resíduos e a adoptar práticas amigas do ambiente, contribuindo de forma responsável para um melhor ambiente”, frisou a autarca.
 
Angrenses satisfeitos com recolha

Os angrenses estão satisfeitos com a recolha e cada vez mais motivados para participar na separação de resíduos revela um inquérito ambiental realizado pela DECO (Associação Portuguesa para a defesa dos consumidores) e publicado na revista Proteste, edição de Abril de 2010.

O estudo agora divulgado mostra que Angra do Heroísmo é dos concelhos do país com mais residentes satisfeitos com a recolha, cerca de 61% da população.

À frente de Angra encontram-se Portimão e Loures com 74% e 64% respectivamente. Particularmente com a recolha de plástico e metal os angrenses, numa escala de um a dez, demonstram níveis de satisfação na ordem dos 7.2 e com a recolha semanal de lixo 6.9.

O inquérito foi realizado pela Deco em Dezembro de 2009 tendo sido inquiridos 69 concelhos, que representam 70% da população e 5031 cidadãos.

Conhecer as práticas dos portugueses com o lixo doméstico e saber se estão satisfeitos com o processo de recolha na sua localidade foi o objectivo deste inquérito ambiental.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Três mais Cinco? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos