Economia

Relatório e Contas da CCAH aprovados por unanimidade

  • 2 de Abril de 2010
  • 216 Visualizações, Última Leitura a 18 Novembro 2017 às 23:28
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O Relatório e as contas da Câmara do Comércio de Angra do Heroísmo (CCAH) foram ontem aprovados por unanimidade, em assembleia-geral realizada no Salão Nobre da antiga sede da CCAH, em Angra do Heroísmo.

Estiveram presentes na assembleia-geral ordinária cerca de três dezenas de membros associados, onde foi apresentado o balanço das actividades e contas da Associação Empresarial referentes a 2009.

“A CCAH apresentou saldo positivo no movimento de associados, com o maior número de novas inscrições dos últimos dez anos, 96”, diz nota de imprensa enviada aos órgãos de comunicação social.

Ao todo a CCAH realizou 89 eventos, uma média de dois eventos por semana, entre os quais sessões de esclarecimento, duas exposições de actividades económicas, campanhas de dinamização do comércio, cinco debates de propostas autárquicas, feiras ‘outlet’ e a conferência transatlântica das energias renováveis.

Continuou a desenvolver o projecto de Parcerias Especiais contando com 65 parceiros das mais diversas áreas e sectores de actividade.

Nos incentivos, foram analisadas 50 candidaturas no SIDER, 36 aprovadas, e foram analisados 46 pedidos de pagamento no âmbito do Subsistema de Apoio para o Desenvolvimento Local.

De acordo com o documento, o Departamento Jurídico foi contactado por uma média de uma dezena de associados por dia, sendo que os serviços daquele departamento foram alargados em 2009, incluindo, por exemplo, o apoio aos associados jurídico aos associados junto dos tribunais.

Realizaram-se ainda 43 cursos de formação profissional, que envolveram quase mil horas de formação e 573 formandos, mais centena e meia face a 2008. Ainda no âmbito da Formação Profissional, foi implementado um projecto de Formação à distância, FOTURIS, e foi criado o Plano Fidelidade, que permite, na participação de mais de dois colaboradores da empresa em cursos de formação, inscrições gratuitas no semestre seguinte.

Já no programa QualimAçores, de Segurança e Qualidade na Manipulação dos Alimentos, estiveram inscritas o ano passado, 84 empresas das ilhas Terceira, Graciosa e São Jorge.

“A conclusão unânime da Assembleia-geral foi que, cada vez mais, a Associação Empresarial desenvolve um papel fulcral, contribuindo para o desenvolvimento do tecido empresarial e para o desenvolvimento da própria Região Autónoma dos Açores”, remata a nota.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Seis mais Três? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos