Economia

Açores na Feira Internacional de Turismo de Berlim

  • 5 de Março de 2019
  • 87 Visualizações, Última Leitura a 24 Agosto 2019 às 04:22
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Durante quatro dias, o Turismo dos Açores vai promover o destino no mercado alemão que tem especial importância para as empresas regionais.

O Turismo dos Açores marca presença na ITB – Feira Internacional de Turismo de Berlim, que decorre a partir de amanhã e até 10 de março na capital alemã.

Considerada a maior feira europeia de turismo, a ITB - Feira Internacional de Turismo de Berlim, representa, para o Governo Regional, “uma excelente oportunidade para um contacto com os parceiros e para a geração de negócios para os expositores participantes, permitindo disponibilizar informações turísticas do arquipélago, aumentando a apetência e a visibilidade dos Açores como potencial destino de férias”, afirma o executivo numa nota de imprensa divulgada pelo Gabinete de Apoio à Comunicação Social (GACS).

Nessa mesma nota, é salientado que o mercado alemão “é um dos principais países emissores do destino Açores, sendo relevante o esforço de promoção para um bom desempenho deste mercado específico”.

“Os alemães procuram os Açores pela diversidade da oferta dos produtos turísticos relacionados com a Natureza, como é o caso dos trilhos, do mergulho e da observação de cetáceos, muito apreciados por este mercado e onde a Região se diferencia face aos seus concorrentes”, refere ainda o executivo açoriano.

O Governo Regional salienta, por outro lado, que, “além das especificidades dos Açores, o investimento neste mercado emissor importa, principalmente, pela sua maturidade e pelos elevados fluxos de saída do país”.

Na ITB, vão estar presentes, vindas de Portugal, sete regiões de promoção turística e 92 empresas.

A ITB Berlim, que contou na edição passada com cerca de 110 mil visitantes, é considerada uma das mais importantes feiras internacionais do setor.

Em declarações à Lusa, Paula Oliveira, diretora executiva da Associação Turismo de Lisboa e responsável pela coordenação da presença portuguesa na ITB, afirma que se trata de um mercado com “bastante potencial para crescer” e que ainda lhe falta “dar o salto” por ser um mercado que “ainda trabalha muito com operadores turísticos e ainda prefere férias de sol e mar, para mais longe”.

Paula Oliveira destaca, contudo, que “estes certames não contam só com compradores e interessados do próprio mercado, circulam compradores de todo o mundo, por isso a nossa presença tem um impacto internacional”.


Fonte: Açoriano Oriental

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Seis mais Nove? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos