Economia

Mais de metade dos portugueses faz férias "cá dentro" - Eurobarómetro

  • 9 de Março de 2010
  • 192 Visualizações, Última Leitura a 19 Agosto 2017 às 11:05
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Mais de metade dos portugueses (58,8 por cento) planeia fazer férias em Portugal este ano, um valor acima da média europeia (41 por cento), segundo uma sondagem Eurobarómetro hoje divulgada em Bruxelas.

A segunda preferência dos portugueses, para as férias em 2010, são os Estados-membros da União Europeia (UE), para onde tencionam viajar 12,1 por cento dos inquiridos, abaixo dos 23 por cento na média europeia (UE27).

A América Central e do Sul reúne as preferências de 4,4 por cento, contra uma média comunitária de 1,9 por cento e o continente africano de 1,8 por cento, contra 2,8 por cento de média da UE27.

Questionados sobre se têm recursos financeiros suficientes para fazer as férias planeadas, 43 por cento dos portugueses responderam que sim, na condição de fazerem mais poupanças (UE27 38,6%) e 39,1 disseram que não terão qualquer dificuldade (UE27 45,7%).

Uma percentagem de 7,9 de portugueses (UE27 7,2%) não irá de férias devido a dificuldades financeiras e 1,9 por cento (UE27 2,9%) terá que se endividar para tal.

Questionados sobre que tipo de férias fazem este ano, 34,5 dos portugueses diz que ainda não decidiu (UE27 28,2%) e 29 por cento afirma que não viaja (UE 27 21,1%).

Um total de 17,4 por cento dos turistas portugueses dizem que já optaram por férias com uma duração superior a quatro noites consecutivas (UE27 19,3%) e 10,7 por cento partem de férias por mais de 13 noites consecutivas (UE27 15,1%).

Segundo os resultados do Eurobarómetro, a maioria dos portugueses (51 por cento) escolhe destinos tradicionais para férias, enquanto 25,4 por cento optam por sítios emergentes e não tradicionais.

A média europeia é respectivamente de 57 e 28,4 por cento.

A recomendação feita por colegas ou amigos é a principal razão apontada pelos portugueses para escolherem o destino de férias (29,8 por cento, contra uma média comunitária de 29,7%), seguindo-se o conhecimento pessoal (19,3 por cento, contra uma média europeia de 18,2%) e a informação pesquisada na Internet (18,3 por cento, UE27 24,3%).

Em Portugal, as entrevistas por telefone foram realizadas entre 05 e 09 de Fevereiro pela Consulmark, a um universo de 1006 pessoas.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Três mais Sete? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos