Economia

Congresso das agências de viagens nos Açores conta com 550 agentes

  • 3 de Novembro de 2018
  • 7 Visualizações, Última Leitura a 16 Novembro 2018 às 11:55
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O 44.º Congresso Nacional da Associação Portuguesa das Agências de Viagens e Turismo (APAVT), que vai decorrer em Ponta Delgada este mês, já conta com “mais de 550 empresários e gestores” inscritos, anunciou a organização.

“Uma vez mais, a APAVT reúne o setor, para olhar o futuro. Vivemos um momento agridoce. Por um lado, colecionámos êxitos vários, ao longo do último ciclo de crescimento, por outro, vivemos uma atmosfera de fim de ciclo, que nos obriga a repensar estratégias e atitudes, estratégias e atitudes que abordaremos, imersos num destino turístico ímpar, que são os Açores”, afirma o presidente da APAVT, Pedro Costa Ferreira, em comunicado.

O congresso, que vai decorrer de 22 a 24 de novembro, na cidade de Ponta Delgada, nos Açores, vai ser o palco do debate turístico nacional sobre as questões em torno dos desafios do crescimento do setor.

Entre muitos outros painéis e presenças, o evento vai contar com o advogado, vice-presidente do CDS e ex-secretário de Estado do Turismo, Adolfo Mesquita Nunes, com o presidente do Turismo de Portugal, Luis Araújo, o presidente da ALEP - Associação do Alojamento Local em Portugal, Eduardo Miranda, a par do presidente executivo da Boost Portugal, João Paiva Mendes, como oradores do tema principal do congresso “Turismo em Portugal: Os desafios do crescimento”.

Especificamente sobre o destino Açores, e sobre a mesma abordagem, o congresso conta com um painel com a participação da Secretária Regional da Energia, Ambiente e Turismo dos Açores, Marta Guerreiro, com o presidente da Câmara de Comércio de Angra do Heroísmo, ex-agente de viagens e atual hoteleiro, Rodrigo Rodrigues, da secretária-geral da AHRESP, Ana Jacinto, e do presidente da SDEA - Sociedade de Desenvolvimento Empresarial dos Açores e ex-secretário Regional do Turismo e Transportes, Vítor Fraga.

Em julho, o presidente da APAVT afirmou que a escolha dos Açores para o congresso nacional é mais uma etapa de um conjunto de ações com vista à visibilidade do destino.

E enalteceu ainda a escolha, lembrando “a importância que os Açores têm”, no âmbito do mercado emissor de turistas nacionais, mas também “pela relevância do trabalho conjunto que tem vindo a ser realizado” pela tutela do turismo açoriano e pelos agentes de viagens e operadores nacionais.

Esta não é a primeira vez que os Açores recebem um congresso da APAVT. A associação já tinha feito esta escolha para os congressos de 1995, 2006 e 2013, este último na Ilha Terceira, no mesmo ano em que elegeram a região para “Destino Preferido da APAVT”.


Fonte: Lusa

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Nove mais Nove? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos