Economia

Não residentes compraram 5,5% dos imóveis em 2017

  • 20 de Outubro de 2018
  • 27 Visualizações, Última Leitura a 18 Abril 2019 às 20:22
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Em 2017 foram transacionados 5567 imóveis nos Açores, dos quais 307 foram adquiridos por não residentes com um valor médio de 43,5 mil euros.

Em 2017, 5,5% dos imóveis transacionados nos Açores foram vendidos a não residentes em Portugal, revelou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

De acordo com a informação disponibilizada nas Estatísticas da Construção e Habitação, em 2017 foram transacionados 5567 imóveis nos Açores, dos quais 307 foram adquiridos por não residentes, o que representa 5,5 por cento das vendas.

No total do país este valor sobe para 7,7%, representando um total de 17.388 imóveis.

Em termos de valor de venda em média os imóveis adquiridos por estrangeiros nos Açores custaram 43,5 mil euros, valor semelhante ao dos imóveis adquiridos por residentes (44,5 mil euros).

Já no total do país o valor médio dos prédios vendidos a não residentes em 2017 (160.407 euros) foi quase 50% superior ao valor médio das transações globais (107.381 euros).

Sendo que o valor médio dos prédios transacionados em 2017 foi significativamente mais elevado na Área Metropolitana de Lisboa (212.927 euros) e no Algarve (143.592 euros).

Refira-se ainda que dos 226.617 imóveis transacionados em 2017, 29,7% localizavam-se na região Norte, seguindo-se as regiões Centro (25,6%) e a Área Metropolitana de Lisboa (25,1%).

No que respeita ao valor transacionado, à Área Metropolitana de Lisboa correspondeu 49,8% do total, seguindo-se a região Norte (20,3%).

Por nacionalidades dos compradores, o INE mostra que em 2017, 19,6% do valor total dos imóveis vendidos em Portugal a não residentes corresponderam a vendas a residentes em França, o principal país de residência dos compradores de imóveis em 2017, tal como em 2016.

Seguiram-se o Reino Unido (16,2%), o Brasil (6,9%), a China (6,3%) e a Suíça (5,5%).

No seu conjunto, os cinco principais países de residência dos compradores que adquiriram imóveis em Portugal em 2017, representavam 54,5% do valor global de vendas a não residentes nesse ano.

Contudo, em termos do número de imóveis transacionados, a ordenação é ligeiramente diferente, mantendo-se a França destacadamente na liderança (com cerca de cinco mil imóveis, 28,3% do total), seguida do Reino Unido (cerca de 2600 imóveis, peso de 14,9%), da Suíça (7,6%), da Alemanha (6,5%) e da Bélgica (4,7%).


Fonte: Açoriano Oriental

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Seis mais Cinco? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos