Economia

Atividade das empresas deve manter-se no próximo ano

  • 18 de Julho de 2018
  • 28 Visualizações, Última Leitura a 18 Outubro 2018 às 01:31
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

A maioria dos empresários portugueses considera que a atividade das empresas vai manter-se nos próximos 12 meses, de acordo com o barómetro “Economia e Empresas”, da Confederação dos Serviços de Portugal (CSP).

Segundo as conclusões, 54% dos empresários entrevistados considera que a atividade das empresas “vai manter-se” nos próximos 12 meses, contra quase um terço (31%) que considera que “vai melhorar”.

Apenas 4% considera que a atividade das empresas “vai melhorar muito”, enquanto 7% considera que vai “piorar” e 1% prevê que “vai piorar muito”.

Relativamente à atividade económica do país, o barómetro “Economia e Empresas” da CSP, dedicado ao tema “Fiscalidade e Investimento Empresarial”, aponta que 42% dos empresários considera que “vai manter-se”, enquanto 41% considera que “vai melhorar”.

Nove por cento dos entrevistados considera que a atividade económica do país “vai piorar” e 1% prevê que “vai piorar muito”.

De acordo com a primeira edição do barómetro da CSP, os municípios e justiça são as áreas que reúnem mais opiniões negativas no inquérito que conta com uma amostra de 303 entrevistas.

No que respeita à avaliação das entidades, quanto ao Governo, “apesar da conjuntura globalmente positiva”, a ação do executivo “não é considerada mais positiva (17%) do que negativa (17%)”.

Sobre a corrupção, 37% dos inquiridos considerou que “vai piorar ou piorar muito”, contra 34% que acha que se vai manter.

Relativamente ao investimento, menos de um quinto (16%) considera que Portugal tem melhores condições para investimento do que a União Europeia (UE), contra 34% que acham o contrário.


Fonte: Lusa

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Um mais Nove? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos