Economia

34 ideias de negócio no Concurso Regional de Empreendedorismo

  • 23 de Junho de 2018
  • 94 Visualizações, Última Leitura a 19 Agosto 2019 às 16:11
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O Concurso Regional de Empreendedorismo recebeu 34 ideias de negócio apresentadas por jovens, individualmente ou em grupo, terminada que está a fase de entrega de candidaturas.

Citado pelo GACS, o vice-presidente do Governo dos Açores, Sérgio Ávila, afirmou que o concurso, desenvolvido pela Sociedade para o Desenvolvimento Empresarial dos Açores (SDEA), pretende estimular a capacidade de iniciativa, “a criatividade e o comportamento empreendedor, tendo por objetivo principal a criação de empresas nos Açores”.

As 34 candidaturas apresentadas na edição deste ano abrangem áreas de atuação tão diversas como a agricultura e a indústria agroalimentar, a biotecnologia, as tecnologias de informação e comunicação, o desenvolvimento de software, o turismo e as indústrias criativas.

Conforme acrescentou Sérgio Ávila, “para além da crescente adesão que se tem vindo a verificar ao longo dos anos, é notória a evolução da qualidade das candidaturas apresentadas em termos de inovação e acréscimo de valor”.

As candidaturas agora submetidas ao Concurso Regional de Empreendedorismo serão avaliadas por um júri que irá selecionar, para uma segunda fase, as melhores ideias de negócio.

“Nesta segunda fase, que decorrerá de 1 de setembro a 15 de outubro, os concorrentes irão receber formação específica e consultadoria com vista a permitir a transformação das ideias de negócio apresentadas em planos de negócio efetivos”, explicou o Vice-Presidente do Governo.

Os planos de negócio irão ser submetidos a uma avaliação durante o período de 16 a 30 de outubro, seguindo-se o processo de seleção pelo júri no sentido de se apurar os três projetos vencedores.

O primeiro classificado receberá um prémio de 25 mil euros, enquanto o segundo terá um prémio de 20 mil euros e o terceiro recebe 15 mil euros.

Contudo, “estes valores apenas serão concedidos na condição de passarem a integrar o capital social das empresas a criar para o desenvolvimento do negócio selecionado”, concluiu Sérgio Ávila.


Fonte: Açoriano Oriental

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Oito mais Oito? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos