Economia

Novas encomendas sobem na Zona Euro, mas caem em Portugal

  • 24 de Fevereiro de 2010
  • 212 Visualizações, Última Leitura a 21 Agosto 2017 às 17:48
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

As novas encomendas à indústria na zona euro subiram 9,5 por cento em Dezembro de 2009 em termos homólogos, mas recuaram em Portugal, segundo dados divulgados hoje pelo Eurostat.

As novas encomendas às fábricas da zona euro subiram 0,8 por cento em Dezembro, face a Novembro, e 0,6 por cento no conjunto da União Europeia.

Em termos mensais, as maiores subidas registaram-se em França (17,1 por cento) e na Lituânia (6,1 por cento), enquanto as maiores descidas verificaram-se na Hungria (oito por cento) e na Irlanda (7,2 por cento).

Em Portugal a queda foi de 4,4 por cento.

Face a Dezembro de 2008, as novas encomendas à indústria aumentaram 9,5 por cento na Zona Euro e 6,3 por cento no conjunto da União Europeia.

Em termos homólogos, as maiores subidas pertenceram à França (20,4 por cento), Eslováquia (18,2 por cento) e Finlândia (15,4 por cento), enquanto as maiores quebras registaram-se na Irlanda (24,8 por cento), em Portugal (15,6 por cento) e na Estónia (13,2 por cento)

No conjunto do ano 2009, as novas encomendas à indústria caíram 22,6 por cento na área da moeda única e 21,9 por cento na União Europeia a 27.

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Cinco mais Oito? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos