Economia

INE confirma descida do défice em 2017 e que dívida pública dos Açores é menos de metade da média europeia

  • 26 de Março de 2018
  • 142 Visualizações, Última Leitura a 18 Agosto 2019 às 07:28
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O défice dos Açores, de acordo com os dados hoje divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), em conformidade com as regras do Banco de Portugal (BdP), é de apenas 1,4 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) da Região, valor que é inferior ao melhor resultado registado pelo país em mais de 40 anos de Democracia, sendo a dívida pública menos de metade da média europeia.

O Vice-Presidente, que salientou o facto de este valor corresponder “ao cêntimo” à estimativa apresentada pelo Governo dos Açores, manifestou a “enorme satisfação” do Executivo regional.

“Por outro lado, a nossa dívida pública é de 41,6 por cento do nosso PIB, o que é menos de metade da média da União Europeia e menos de um terço daquela que se verifica no todo do país”, destacou Sérgio Ávila.

Para o governante, estes dados “confirmam ainda uma trajetória de sustentabilidade” das finanças públicas, sublinhando que englobam não só a administração direta e a execução do Orçamento da Região, mas também todos os fundos e serviços autónomos e o Setor Público Empresarial Regional – SPER consolidado (cujos resultados das empresas públicas são considerados para a dívida pública).

“Nós garantimos que a Região, por um lado, tem uma estrutura estável do ponto de vista de finanças e, em termos da sua dívida pública global, incluindo as empresas públicas que consolidam, é menos de metade da média da União Europeia”, frisou Sérgio Ávila.

O titular da pasta das Finanças afirmou ainda que, “por essa via, também é uma garantia para as gerações futuras da sustentabilidade da Região”.


Fonte: GaCS

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Sete mais Oito? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos