Economia

Crédito ao consumo atingiu em novembro máximo de cinco anos

  • 16 de Janeiro de 2018
  • 139 Visualizações, Última Leitura a 12 Dezembro 2018 às 21:53
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O montante dos novos créditos ao consumo atingiu, em novembro, o valor máximo de pelo menos cinco anos, ao serem emprestados quase 655 milhões de euros, segundo divulgou ontem o Banco de Portugal (BdP).

Em novembro passado, foram emprestados 267,18 milhões de euros em crédito automóvel, mais 5% face ao mês anterior (de outubro) e mais 19,5% face a novembro de 2016.

O montante dos novos créditos ao consumo automóvel concedido em novembro é mesmo o valor maior desde pelo menos 2012, ou seja, em cerca de cinco anos, segundo o banco central.

Também o crédito pessoal atingiu 285,8 milhões de euros em novembro, máximo de cinco anos.

Para o aumento do crédito pessoal contribuiu os empréstimos sem finalidade específica (pode ser, por exemplo, para a compra de móveis ou outros equipamentos para a casa), que foi de 279,1 milhões de euros em novembro, mais 5,4% face a outubro e mais 11,3% face a novembro de 2016.

Já o crédito pessoal para as finalidades como educação, saúde, energias renováveis e locação financeira de equipamentos foi de 6,702 milhões de euros.

Este valor significa menos 15,7% do que em outubro, mas mais 13,6% face a novembro de 2016.


Fonte: Lusa

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Oito mais Quatro? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos