Economia

Comércio tem mais empresas nas 100 maiores dos Açores

  • 11 de Janeiro de 2018
  • 8 Visualizações, Última Leitura a 17 Janeiro 2018 às 03:07
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O Comércio é o setor mais representado entre as 100 maiores dos Açores, com 36 empresas. O Comércio é também a área com maior volume de negócios (855,7 milhões de euros) e com o maior número de trabalhadores (3.596) entre as maiores empresas açorianas.

Os dados, referentes ao ano de 2016, constam de uma análise efetuada pela empresa de consultadoria empresarial Informa D&B. Este trabalho serviu de base à elaboração do ranking empresarial dos Açores de 2016, revelado no passado mês de dezembro pela revista ‘100 Maiores Empresas dos Açores’, uma publicação anual da Açormedia, a empresa detentora do jornal Açoriano Oriental.

A segunda área mais representada entre as maiores empresas dos Açores é a da Agricultura e Pescas/Agro-Indústria, com 18 empresas entre as 100 maiores, para um volume de negócios de 589,8 milhões de euros e 2.916 empregados.

O terceiro setor é o dos Transportes, Comunicação e Energia - onde se incluem as duas maiores empresas dos Açores em 2016, a EDA e a SATA/Azores Airlines - com 14 empresas para um volume de negócios de 524,4 milhões de euros e um total de 2.938 trabalhadores.

O facto da SATA e da EDA serem empresas públicas, representadas nas nove ilhas dos Açores, terá contribuído para que este setor pesasse mais em termos de número de trabalhadores do que o setor da Agricultura e Pescas/Agro-Indústria.

O quarto setor mais representado entre as maiores empresas dos Açores é o do Turismo e Serviços e aqui é curioso verificar que, se por um lado, o turismo ainda pesa pouco em número de empresas - com apenas 10 entre as 100 maiores empresas dos Açores - e em volume de negócios, com apenas 77,4 milhões de euros em 2016, o seu peso aumenta bastante mais quando se refere o número de trabalhadores.

Isto porque, estas 10 empresas do turismo representam 2.527 trabalhadores, um número bastante próximo dos dois setores logo acima no ranking e que têm muito maior volume de negócios do que o setor do turismo.

Quer isto dizer que é na criação de emprego - na sua grande maioria no setor privado - que o turismo, que tem crescido bastante desde 2015, mais se destaca nos Açores. Refira-se que no global, as 100 maiores empresas dos Açores de 2016 representaram 2.500 milhões de euros de volume de negócios - bastante mais de metade do PIB dos Açores - e tinham ao serviço um total de 14 mil trabalhadores, mais de um terço da força de trabalho da Região.

E para além dos quatro grandes setores de atividade já citados, a lista das 100 maiores empresas dos Açores de 2016 ficou completa com empresas do setor do Comércio Automóvel (8); Distribuição de Combustíveis (6); Construção (5) e Indústria (3). Dados que mostram também a perda relativa de importância que a Construção teve depois da crise, onde foi o setor mais afetado e onde se registou maior desemprego.

Recorde-se que em 2016, a Eletricidade dos Açores - EDA manteve-se como a maior empresa da Região, enquanto que a Bensaude, SA foi a melhor empresa no ranking da revista ‘100 Maiores Empresas dos Açores’.

A lista das 10 maiores empresas dos Açores em 2016 foi liderada por duas empresas públicas - EDA e SATA/Azores Airlines - mas o setor mais representado foi o agroalimentar, com cinco empresas e cooperativas representadas, todas elas ligadas aos laticínios. Um dado que mostra o peso que este setor tradicional ainda tem na economia açoriana, apesar das crises recentes de mercado, derivadas do fim das quotas leiteiras na União Europeia ou do embargo russo.


Maiores empresas têm mais de 20 anos

As empresas consideradas ‘maduras’, ou seja, com pelo menos 20 anos de atividade, estão em grande maioria entre as 100 maiores empresas dos Açores, segundo os dados trabalhados pela Informa D&B relativos a 2016 e que serviram de base à elaboração do ranking da revista ‘100 Maiores Empresas dos Açores’.


Quase três quartos (74) das 100 maiores empresas dos Açores tinham mais de 20 anos de atividade em 2016, havendo apenas 3 empresas com menos de 5 anos de atividade entre as 100 maiores. O equilíbrio entre empresas é maior no número de trabalhadores, predominando as que têm entre 50 e 250 trabalhadores.


Fonte: Açoriano Oriental

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Quatro mais Cinco? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos