Economia

Projeção de crescimento para Portugal

  • 16 de Dezembro de 2017
  • 164 Visualizações, Última Leitura a 19 Fevereiro 2019 às 17:38
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O Banco de Portugal (BdP) melhorou ontem as projeções de crescimento de Portugal, esperando que o PIB aumente 2,6% este ano e 2,3% no próximo, desacelerando progressivamente o ritmo de crescimento até aos 1,7% em 2020.

No Boletim Económico de dezembro divulgado ontem, o banco central antecipa que a economia portuguesa cresça 2,6%, mais 0,1 pontos percentuais do que o esperado em outubro, e que cresça 2,3% no próximo ano, mais 0,3 pontos do que o estimado em junho, a última vez em que atualizou a projeção para 2018.

A instituição liderada por Carlos Costa refere que “a atividade económica continuará a apresentar um perfil de crescimento ao longo do horizonte de projeção”, ainda que “a um ritmo progressivamente menor”, crescendo 1,9% em 2019 (acima dos 1,8% anteriormente estimados) e 1,7% em 2020 (não há projeções anteriores para este ano).

Os números ontem divulgados pelo BdP acompanham a expectativa do Governo para este ano, que também antecipa um crescimento de 2,6%, e são ligeiramente mais otimistas para 2018, uma vez que o executivo espera que o PIB cresça 2,2% no próximo ano (abaixo dos 2,3% projetados pelo banco central).

O crescimento do PIB de Portugal ficará “muito próximo do da média da área do euro” até 2020 e, em termos do PIB ‘per capita’, “a convergência real face à área do euro deverá continuar nos próximos anos de forma ligeira”, resultado em parte da redução da população em Portugal, refere o BdP, concluindo que “esta evolução será insuficiente para compensar a divergência real acumulada até 2013”.

Quanto à composição do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), o BdP antecipa que a formação bruta de capital fixo (FBCF) deverá ser a componente “mais dinâmica”, com crescimentos superiores a 5% em todos os anos da projeção.

Ainda assim, “o nível da FBCF em 2020 situar-se-á ainda 11% abaixo do observado em 2008”, segundo o BdP.As exportações deverão manter um “crescimento robusto no horizonte de projeção, explicado pela evolução da procura externa e pela estimativa de manutenção de ganhos de quota de mercado”.


Fonte: Açoriano Oriental

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Dois mais Um? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos