Economia

ANIL lança campanha e alerta para difamação do leite

  • 29 de Novembro de 2017
  • 174 Visualizações, Última Leitura a 24 Abril 2019 às 06:38
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

A Associação Nacional dos Industriais de Laticínios (ANIL) lançou pelo segundo ano consecutivo uma campanha nacional de promoção dos “benefícios do leite e laticínios para uma alimentação saudável”, com o objetivo de consciencializar a população para um alimento rico em proteína, cálcio e vitaminas e também para alertar as pessoas para as campanhas que a ANIL considera “difamatórias do leite e sem fundamentação científica”.

Segundo refere uma nota de imprensa, a ANIL pretende salientar com esta campanha a importância de se compreender toda a informação divulgada sobre o leite, perante as contradições existentes quanto benefício do seu consumo, com o objetivo de “suprimir a estigmatização”, refere a entidade representativa dos industriais de laticínios.

Na mesma nota de imprensa, a direção da ANIL refere que “estamos a observar que o consumidor português está mais informado, tomando decisões mais conscientes sobre a sua alimentação e evitando a adesão a campanhas difamatórias sem fundamentação científica robusta”.

Contudo, acrescenta a Associação Nacional dos Industriais de Laticínios, “a ciência demonstra que para uma alimentação   saudável   e   equilibrada,   os   laticínios   devem representar 18 por cento da pirâmide alimentar, o que corresponde de 2 a 3 porções diárias entre leite, queijo e iogurte”.

Por isso e de forma a relembrar a posição dos produtos lácteos na pirâmide alimentar, esta campanha desenvolvida pela ANIL tem por objetivo também o de informar o consumidor através de folhetos, comunicação áudio em mais de 1.500 híperes e supermercados e nas plataformas online, procurando reverter a estigmatização criada em torno do tema.

Mas também salientar as mais-valias do consumo dos produtos lácteos nas várias fases da vida, desde a infância até à idade sénior, conclui a Associação Nacional dos Industriais de Laticínios.


Fonte: Açoriano Oriental

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Três mais Sete? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos