Economia

Açores e Canárias identificam potencial para exportação de produtos açorianos

  • 5 de Setembro de 2017
  • 205 Visualizações, Última Leitura a 16 Setembro 2019 às 10:15
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O Governo dos Açores promoveu, esta segunda-feira, uma reunião entre o Governo das Canárias e parceiros sociais da Região, que permitiu identificar o potencial de exportação de produtos regionais para aquele arquipélago espanhol.

“Esta foi uma reunião muito importante porque permitiu identificar o nosso potencial de exportação, ou seja, os sectores em que temos vantagens comparativas em termos de exportação e que correspondem, exatamente, àquelas que são as maiores necessidades de importação por parte das Canárias”, afirmou o Vice-Presidente do Governo.

Sérgio Ávila falava após a reunião em que participaram o Conselheiro de Economia, Indústria, Comércio e Conhecimento do Governo das Canárias, Pedro Rodríguez, a Câmara do Comércio e Indústria dos Açores, a Federação Agrícola dos Açores e a Federação das Pescas dos Açores, integrada na visita oficial do Presidente do Governo das Canárias, Fernando Clavijo Batlle, ao arquipélago, a convite de Vasco Cordeiro.

Em declarações aos jornalistas, o Vice-Presidente do Governo destacou a “combinação muito positiva” que resulta do facto de os Açores terem capacidade para exportar aquilo que as Canárias têm maior necessidade de importar.

“Havendo esta identificação clara dos produtos que têm estas características, importa, agora, desenvolver a capacidade de articular entre a produção e o consumo”, afirmou Sérgio Ávila.

Nesse sentido, esta reunião permitiu ainda identificar os tipos de apoios cruzados que existem para a exportação, para a produção e para a importação, adiantou o Vice-Presidente, avançando que o passo seguinte passa por promover uma missão dos empresários das Canárias à Região, no sentido de proporcionar contactos diretos com os produtores açorianos.

Posteriormente, será desenvolvido trabalho junto dos operadores marítimos, nomeadamente, aqueles que as Canárias disponibilizaram, para que seja encontrado uma solução eficaz e competitiva para a concretizar esta operação.

“É todo este caminho que ficou agora definido e que será desenvolvido. Cabe aos dois Governos  assegurar que as grandes empresas das Canárias venham aos Açores contactar os nossos produtores para que se possa criar as condições para exportar os nossos produtos”, concluiu Sérgio Ávila.

 

Fonte: GaCS

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Sete mais Cinco? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos