Economia

Conserveiras lamentam falta de valorização do setor na Região

  • 27 de Agosto de 2017
  • 183 Visualizações, Última Leitura a 24 Agosto 2019 às 06:52
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Indústria conserveira diz não ser valorizada e que ‘outros setores’ que reclamam mais têm mais atenção da Região.

O presidente da direção da associação das conserveiras açorianas Pão do Mar lamenta não haver um maior reconhecimento deste setor, quando as conservas são o produto que leva mais longe o nome dos Açores.

“As conservas dos Açores devem ser o produto que mais longe leva a palavra Açores ao mundo”, afirmou Rogério Veiros, acrescentando: “lamentavelmente, não nos sentimos valorizados e reconhecidos por esse trabalho, pois existem setores que passam mais tempo a reclamar junto das autoridades regionais do que a fazer o seu trabalho de promoção e valorização do produto, tal qual, fazem os nossos associados pelo mundo fora”.

A Pão do Mar – Associação de Conserveiras de Peixe dos Açores foi fundada a 16 de julho de 1984, sendo formada por quatro associados e cinco fábricas. Segundo o seu presidente, a associação foi criada com o objetivo de representar o setor junto das autoridades regionais, nacionais e transnacionais; defender e valorizar o setor; promover o produto; e aderir, participar e representar a indústria junto de outras associações.Ao longo dos anos, a associação tem passado por diferentes períodos, de forma a adaptar-se às diferentes realidades.

“Os protagonistas mudam e o seu papel deve ser adaptado ao momento e às circunstâncias”, explicou. Inicialmente, a associação teve um papel fundamental na promoção das nossas conservas, em mercados externos como Itália, onde detém a marca “Quallità Azzore” e onde foi feito um investimento muito elevado na promoção das conservas açorianas.

Atualmente, e fruto da nova realidade, Rogério Veiros refere que a associação precisa de diversificar a promoção noutros mercados, pois já não dependem da mesma forma do mercado italiano, uma vez que as conservas dos Açores estão cada vez mais presentes no mercado de Portugal continental e diversos países da Europa, bem como nos Estados Unidos, Canadá, Brasil, entre outros.


Fonte: Açoriano Oriental

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Oito mais Dois? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos