Economia

Procura de crédito por particulares e empresas aumenta no 2º trimestre

  • 19 de Julho de 2017
  • 195 Visualizações, Última Leitura a 21 Abril 2019 às 12:54
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

A procura de crédito por particulares e empresas aumentou ligeiramente no segundo trimestre deste ano, face ao anterior, mas os critérios de concessão e as condições contratuais permaneceram praticamente inalteradas, segundo o Banco de Portugal (BdP).

De acordo com o Inquérito aos Bancos sobre o Mercado de Crédito de julho (cuja a amostra é constituída por cinco grupos bancários portugueses) divulgado ontem pelo BdP, entre abril e junho registou-se um “ligeiro aumento” na procura de empréstimos por parte das empresas, especialmente por parte das pequenas e médias empresas (PME) e sobretudo de empréstimos de longo prazo.

Três instituições, sinaliza, indicaram que as necessidades de financiamento do investimento “afetaram positivamente” a procura de empréstimos e uma instituição identificou o efeito positivo das necessidades de financiamento de existências e de fundo de maneio, assim como a evolução dos empréstimos de outras instituições bancárias.

No caso dos particulares, os bancos reportaram também em termos globais um “ligeiro acréscimo” da procura, refere.

Segundo o BdP, três instituições indicaram um ligeiro acréscimo da procura de empréstimos para aquisição de habitação e duas instituições indicaram um “ligeiro acréscimo” da procura para consumo e outros fins.

Para os próximos três meses, a maioria dos bancos não antecipa alterações significativas na procura de empréstimos por parte das empresas, tendo apenas uma instituição reportado uma expectativa de “aumento ligeiro”.

No segmento dos particulares, três instituições antecipam “aumentos ligeiros da procura”, tanto para aquisição de habitação como para consumo e outros fins, refere o BdP.


Fonte: Açoriano Oriental

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Um mais Um? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos