Economia

Dormidas no arquipélago cresceram 14% em fevereiro

  • 18 de Abril de 2017
  • 244 Visualizações, Última Leitura a 19 Agosto 2019 às 16:11
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Em fevereiro deste ano, as dormidas nos hotéis da Região cresceram 14,3 por cento, por comparação com o período homólogo de 2016, revelou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

O segundo mês de 2017, aliás, registou números muito positivos em toda a hotelaria nacional. Conforme as  informações divulgadas ontem pelo INE, o número de hóspedes cresceu 8,6% em relação a fevereiro de 2016, fixando-se em 1,1 milhões, sendo que a subida em janeiro foi de 13,8%.

Por seu lado, as dormidas aumentaram 7,9% (+12,7% em janeiro) para 2,8 milhões e cresceram em hotéis (+10,7%), pousadas (+14,1%) e hotéis-apartamentos (+8,9%), tendo diminuído nas “demais tipologias” (apartamentos turísticos, aldeamentos turísticos e outros alojamentos).

Nas dormidas, os não residentes representaram 9,2% (+18,2% em janeiro), enquanto o mercado interno subiu para 4,8% após três meses consecutivos de abrandamento (1,5% em janeiro).

As nacionalidades que lideraram as subidas nas dormidas, em fevereiro, foram a brasileira (+35,2%), polaca (+30,3%), norte-americana (+17,1%) e irlandesa (+16%).

Os proveitos totais atingiram 136,8 milhões de euros (+14,4%) e os de aposento 94,4 milhões de euros (+15,6%), mostrando abrandamento em relação a janeiro, quando as subidas foram de 18,3% e 17,7%, respetivamente.

O rendimento médio por quarto disponível (RevPar) foi 26,5 euros (+15,4%), mostrando uma evolução positiva em todas as regiões e tipologias de alojamento.


Fonte: LUSA

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Nove mais Dois? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos