Economia

Movimento nos aeroportos da Região abranda no segundo trimestre

  • 14 de Outubro de 2016
  • 328 Visualizações, Última Leitura a 21 Fevereiro 2019 às 05:52
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O movimento nos aeroportos dos Açores abrandou no segundo trimestre em relação ao trimestre anterior, nota o Destaque da Atividade dos Transportes do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Segundo o INE, no segundo trimestre “o transporte aéreo continua a registar níveis historicamente elevados”.

Os dados mostram que no 2º trimestre aterraram cerca de 50 mil aeronaves nos aeroportos nacionais, em voos comerciais, refletindo um crescimento de 12,3%. Neste trimestre observaram-se crescimentos de dois dígitos nos movimentos em todas as regiões: Continente +12,2%; Madeira +14,8% e Açores +11,5%; nesta última região, houve abrandamento face aos trimestres anteriores (+25,4% no 1º trimestre 2016).

Nos aeroportos nacionais registou-se o movimento de 12,06 milhões de passageiros no 2.º trimestre de 2016 (embarques, desembarques e trânsitos diretos), traduzindo-se num aumento de 11,2%, se bem que -2,2 pontos percentuais relativamente à subida no trimestre anterior.

Dados estes resultados, o INE destaca que no segundo trimestre “o transporte aéreo continua a registar níveis historicamente elevados”. O movimento de passageiros continua a apresentar fortes crescimentos em todos os principais aeroportos, dos quais Lisboa apresentou uma variação relativa não tão expressiva: +7,1%.

Entre os restantes aeroportos, sobressai Funchal (+16,4%), tal como Lajes (+24,5%). Nos aeroportos de Faro e Ponta Delgada ocorreram incrementos também muito significativos (+15,7% e 15,6%) e no Porto os passageiros aumentaram 13,4%.

No aeroporto de Ponta Delgada assistiu-se a um retorno a aumentos mais moderados, após 7 trimestres sucessivos com crescimento superiores a 20%.


Fonte: Açoriano Oriental

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Cinco mais Cinco? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos