Economia

Governo dos Açores vai requalificar Porto da Folga, na Graciosa

  • 22 de Junho de 2016
  • 238 Visualizações, Última Leitura a 23 Setembro 2017 às 21:51
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O Conselho do Governo decidiu avançar com obras para melhorar a operacionalidade do Porto da Folga, na ilha Graciosa, e requalificar a zona envolvente, numa intervenção que prevê a regularização do piso, a reparação das duas cabeças da rampa de varagem e a pintura de muros e paredes.

Com esta medida, o Governo dos Açores prossegue a sua estratégia de melhoria das condições de trabalho e de dignificação da profissão de pescador.

A decisão foi hoje anunciada pela Secretária Regional da Solidariedade Social, Andreia Cardoso, na apresentação do comunicado do Conselho do Governo, que reuniu na Graciosa no âmbito da visita estatutária a esta ilha.

Relativamente ao setor agrícola da Graciosa, o Governo dos Açores decidiu proceder à elaboração do projeto para beneficiação dos caminhos rurais da Fajã e das Guardas, num total de 1,4 quilómetros, através da pavimentação e construção da rede de drenagem.

Trata-se de duas vias importantes para a agropecuária local, complementares à rede viária gerida pelo Serviço Florestal da Graciosa.

Esta intervenção representa um investimento de cerca de 200 mil euros que beneficiará 63 hectares de pastagem e 25 empresários agrícolas.

Ao nível das estradas regionais desta ilha, o Executivo decidiu elaborar o projeto para a requalificação do cruzamento entre as estradas regionais n.º 3-2.ª e n.º 2-2.ª - Canada Longa com Caminho de Cima -, na freguesia de São Mateus, incluindo a reconversão de um terreno da Região em zona de lazer e a criação de espaço para parque infantil.

Foi decidido ainda elaborar o projeto de reabilitação e alargamento da Estrada Regional n.º 1 – 2.ª, nos Terreiros, incluindo reperfilamento dos muros de limite existentes em pedra seca, visando proporcionar a uma zona de franco crescimento comercial melhores condições de estacionamento e segurança a quem circula na via pública.

Na área da saúde, o Governo dos Açores autorizou a contratação por tempo indeterminado de um técnico de farmácia, tendo em vista assegurar a resposta às necessidades permanentes de serviço na Unidade de Saúde de Ilha da Graciosa.

Na solidariedade social, foram deliberadas várias medidas, entre as quais a atribuição à Casa do Povo de Guadalupe de um apoio de cerca de 20 mil euros para a melhoria das instalações da instituição, afetadas por um incêndio em 2015.

O Governo dos Açores decidiu ainda aumentar, em mais de 70 mil euros, o apoio correspondente à comparticipação financeira anual à creche O Balão, da Santa Casa da Misericórdia de Santa Cruz da Graciosa, proporcionando um acréscimo na capacidade protocolada de 47 para 52 crianças, apoiar a reabilitação de quatro habitações através da celebração de dois acordos de colaboração com as Juntas de Freguesia de Santa Cruz e de Guadalupe, num montante superior a 66 mil euros, e apoiar a Santa Casa da Misericórdia de Santa Cruz da Graciosa com 4.600 euros para o desenvolvimento do projeto “Envelhecer com Dignidade”.

 

Fonte: GaCS

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Um mais Dois? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos