Economia

Oferta de alojamento local triplicou em 2015

  • 8 de Março de 2016
  • 486 Visualizações, Última Leitura a 23 Maio 2019 às 14:49
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

De 2014 para 2015, o número de estabelecimentos de alojamento local passou de 163 para 524 no arquipélago
O número total de estabelecimentos de alojamento local nos Açores triplicou em 2015, representando no final do ano passado 6 por cento da oferta de alojamento na Região.

Os dados, divulgados no relatório “Alojamento Local nos Açores, 2014-2015” do Observatório do Turismo dos Açores (OTA), revelam que a Região passou de 163 estabelecimentos em 2014 para 524 no ano passado, o que representa um crescimento de mais de 220 por cento.

Por ilhas, São Miguel foi a que mais cresceu em número absoluto, passando de 63 para 235, ou seja, mais 270 por cento. A Terceira foi a ilha que percentualmente mais cresceu, passando de 6 para 34 estabelecimentos, o que representa um aumento de mais de 420 por cento.

A ilha Graciosa foi a única ilha onde não houve registo de alojamento local e no Corvo os primeiro cinco surgiram em 2015.

Já numa análise à quota de mercado de alojamento que corresponde a este tipo de prestação de serviço, o OTA mostra que no final do ano passado 6 por cento dos alojamentos disponíveis pertenciam a esta categoria.

Assim, a oferta de alojamento na Região em 2015 repartia-se da seguinte forma: 86,3% para a hotelaria tradicional; 6% para alojamento local; 3,3% para pousadas de juventude; 2,4% para turismo no espaço rural e 2% para parques de campismo.

O OTA analisou ainda quem é que opta por ficar em estabelecimentos de alojamento local, revelando que, em 2015, 47 por cento dos hóspedes residiam em Portugal e que, dos 53 por cento residentes no estrangeiro, o maior número era proveniente da Alemanha (3528 hóspedes), França (2062) e E.U.A. (1377).

Em relação ao ano de 2014, a tendência de haver menos residentes em Portugal do que no estrangeiro manteve-se, ainda que o número de hóspedes residentes em Portugal tenha aumentado de 8285 em 2014 para 13.837 no ano seguinte.

Refira-se que se entende por alojamento local a prestação de serviços de alojamento temporário em estabelecimentos que não reúnem os requisitos legalmente exigidos para se qualificarem como empreendimentos turísticos, sendo que nesta categoria se integram as seguintes modalidades: quartos em residência, moradias, apartamentos, estabelecimentos de hospedagem e hostels.


Fonte: Açoriano Oriental

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Três mais Oito? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos