Economia

Crédito malparado das famílias cai nos Açores

  • 17 de Novembro de 2015
  • 418 Visualizações, Última Leitura a 26 Maio 2019 às 07:19
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O crédito malparado das famílias açorianas atingiu 138 milhões de euros no final de setembro, menos 4 milhões de euros do que em setembro de 2014, revela o SREA.

Segundo dados do Banco de Portugal divulgados no Boletim Trimestral de Estatística relativo ao terceiro trimestre do Serviço Regional de Estatística dos Açores (SREA), o total de empréstimos concedidos pela banca  às famílias açorianas situou-se em 3213 milhões de euros no final do terceiro trimestre, valor inferior em 2,8% ao observado no trimestre homólogo de 2014. Ou seja, menos 94 milhões de euros do que  no trimestre homólogo.

Já os depósitos e equiparados nos estabelecimentos bancários atingiram no final  de  setembro  de  2015  o  montante  de  2783 milhões  de  euros,  valor  inferior  em  6,7%  relativamente  ao  terceiro  trimestre  de  2014.

A parcela mais representativa dos depósitos são as poupanças dos particulares (incluindo emigrantes), com um peso próximo dos 76% e um volume de 2115 milhões de euros, apresentando uma diminuição de 5,4% relativamente ao trimestre homólogo.

Quanto às sociedades não financeiras, no final do terceiro trimestre de 2015 o saldo do volume de empréstimos concedidos  foi de 1855 milhões de euros, valor   inferior em 0,6% ao observado no   trimestre homólogo de 2014.

O rácio de crédito vencido neste setor institucional atingiu 8,1% no final do trimestre, apurando-se um montante de 150 milhões de euros de crédito mal parado,  menos   9 milhões de euros   do que no trimestre homólogo.

 

Açorianos a  gastar mais dinheiro com Multibanco

No terceiro trimestre deste ano, o  valor  dos levantamentos  efetuados no arquipélago ascendeu aos 151,9 milhões de euros, superando o valor registado em 2014.

De acordo com dados da SIBS - Sociedade Interbancária de Serviços, o valor dos levantamentos nacionais foi de cerca de 137,7 milhões  de  euros, o que representa mais 2,9% que em 2014.

Relativamente aos levantamentos internacionais verifica-se, no mesmo período, um aumento de 7,0% para um valor global de cerca de 14,2 milhões de euros.


Fonte: Açoriano Oriental

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Seis mais Três? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos