Economia

Artesanato açoriano espelha diferenças entre ilhas

  • 8 de Outubro de 2015
  • 603 Visualizações, Última Leitura a 24 Junho 2019 às 21:29
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Paula Sousa, do "Café com Artesanato", entende que os trabalhos artesanais dos Açores espelham bem as diferenças entre ilhas. As entidades, sublinha, têm conseguido promover essas singularidades.


DECORRE NO PRÓXIMO FIM DE SEMANA, NA PRAIA DA VITÓRIA, A TERCEIRA EDIÇÃO DO "CAFÉ COM ARTESANATO". DE QUE EVENTO SE TRATA? E QUE TIPO DE ARTIGOS PODEM SER ENCONTRADOS NESTE ENCONTRO?

O "Café com Artesanato" que decorrerá nos dias 10 e 11 de outubro na Praça Francisco Ornelas da Câmara, é um evento que visa promover o reconhecimento do artesanato local, sensibilizar e valorizar os diferentes trabalhos de artesãos, nas mais variadas áreas. Paralelamente, através da exposição dos artigos e estratégias de marketing que visam a satisfação do cliente que adquire o nosso produto, pretende mobilizar as pessoas a virem visitar a Praia da Vitória. Esta terceira edição surge pela primeira vez associada ao Programa Vitória que pretende a revitalização do comércio da Praia da Vitória.Tal como sugere o nome "Café com Artesanato", o cliente que visitar a feira, pode tomar o seu café acompanhado de uma arte diferente. Uma arte destinada a contemplar e satisfazer um público heterogéneo a vários níveis. Teremos uma parte dedicada à doçaria tradicional e contemporânea, além de artigos de carácter mais tradicional ou urbano, utilitários, decorativos ou lúdicos, nas áreas têxtil (trabalhos em tecido,  patchwork, bordados, tecelagem, crochet, tricot), biscuit, bijuteria diversificada, scrap, trabalhos em madeira e em chapa. Neste evento pretende-se ainda, a promoção da transmissão de saberes. Haverá um espaço destinado ao publico infantil (e não só), no sábado pelas quinze horas, onde se promoverá um workshop sobre "rabo de gato e iniciação ao crochet". Aqui, os interessados poderão entrar em contato com diferentes materiais e desenvolver um projeto de trabalho que promova habilidades motoras (finas) e perpetue técnicas básicas usadas pelas nossas avós, promovido por uma senhora convidada a estar presente, associando-nos à comemoração promovida pela Câmara Municipal da Praia da Vitória do Dia Internacional do Idoso, no centro histórico da Praia da Vitória.

QUAL É A IMPORTÂNCIA DESTES ENCONTROS PARA A PROMOÇÃO DO ARTESANATO LOCAL?

Estes encontros são muito importantes. São encontros de partilha entre os participantes mas também encontros com as muitas as pessoas que nos procuram e partilham os seus conhecimentos, é uma forma de crescermos enquanto artesãos. Por outro lado, a maioria dos artesãos participantes não tem locais de venda, sendo esta uma oportunidade de se dar a conhecer e vender o seu trabalho.

COMO TEM SIDO, ALIÁS, A EVOLUÇÃO QUER DO "CAFÉ COM ARTESANATO", QUER DE OUTROS EVENTOS RELACIONADOS COM A PROMOÇÃO DOS TRABALHOS ARTESANAIS? SENTE MUDANÇAS NA ADESÃO E NO NÚMERO DE ARTESÃOS QUE PARTICIPAM?

Relativamente à promoção dos trabalhos artesanais, penso que ao nível regional o Governo tem apostado bastante nesta área. Os Açores são um conjunto de ilhas com características bastante próprias e o artesanato espelha essa diferença e é também essa diferença que o visitante espera encontrar. O espólio popular diferenciado, tem tido pela tutela, através do Centro Regional de Apoio ao Artesanato, um trabalho de reconhecido valor, uma vez que tem procurado garantir a transmissão de saberes, promovendo ou investindo na certificação de produtos, formação e promoção de feiras.Esta entidade mostrou interesse e valorizou a iniciativa dos artesãos do grupo 'Café com Artesanato' que de forma independente, se tem organizado e continuado a levar a cabo esta feira, que conta ainda com o apoio logístico da Câmara Municipal da Praia da Vitória e da Junta de Freguesia de Santa Cruz. Da última feira realizada para esta, o número de artesãos do grupo reconhecidos pelo Centro Regional de Artesanato dos Açores aumentou, sinónimo da qualidade do trabalho apresentado e da motivação que estes eventos têm promovido nos artesãos.Em resposta à sua última questão, sim há uma mobilização grande de artesãos que gostariam de entrar, e que lamentavelmente, não conseguimos dar resposta positiva, por falta de espaço. Da primeira para a segunda feira de artesanato, a dimensão da tenda disponibilizada para o evento foi aumentada, mas continuamos a estar sujeitos a um espaço que comporta até 14 mesas individuais... E o grupo base mantém-se, sinal de que há uma grande satisfação de todos por fazerem parte do 'Café com Artesanato'.

SENTE QUE O ARTESANATO LOCAL E URBANO SÃO, HOJE, SUFICIENTEMENTE VALORIZADO, NOMEADAMENTE PELOS POSSÍVEIS CLIENTES DESSES TRABALHOS?

Sinto que sim no que concerne à valorização. Pessoalmente, não sendo esta a minha atividade profissional principal, posso testemunhar que tenho bons escoamentos do que faço, especialmente através das redes sociais. Hoje em dia, está tudo muito facilitado e temos de nos adaptar aos novos mercados...porque a informação circula de forma muito facilitada, quer para o bem ou menos bem... E, outros artesãos viram o seu trabalho reconhecido e têm sido convidados a participar noutros eventos ou recebido encomendas.

O QUE É QUE MOVE OS ARTESÃOS DA TERCEIRA - MUITAS VEZES, HOMENS E MULHERES COM OUTRAS CARREIRAS PROFISSIONAIS - A MANTEREM ESTAS ATIVIDADES?

Boa questão... Acho que está no sangue e é contagiante. A Terceira tem muita tradição de fazer trabalhos bonitos e minuciosos. Não há família em que não tenha uma bonita colcha de retalhos, tear ou renda ou, simplesmente, umas pegas de tacho feitas por uma avó ou tia. Trabalho em madeira é outra área em que temos gente a fazer trabalhos muito bonitos... Do grupo de artesãos que conheço e com os quais mais me relaciono, acho que é o gosto e o prazer de criar. Afinidades que surgem naturalmente... Sentirmo-nos apaixonados pelo que fazemos é um sentimento magnífico e ser capaz de elogiar reconhecer valor, qualidade e unicidade no trabalho do outro é um estado de alma muito profícuo. Estes sentimentos elevam-se e com isto surgem os novos artesãos, novas amizades e contornos saudáveis às exigentes rotinas diárias.

 

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Um mais Oito? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos