Economia

Número de beneficiários de subsídios de desemprego cai 15%

  • 24 de Junho de 2015
  • 484 Visualizações, Última Leitura a 16 Outubro 2019 às 12:43
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O número de beneficiários de apoios em situação de desemprego voltou a cair em maio deste ano, para as 6960 pessoas, o que representa uma redução de 15 por cento face ao ano passado, segundo as últimas estatísticas do Instituto da Segurança Social (ISS).

De acordo com os dados disponibilizados online pela Segurança Social, em maio de 2015, havia nos Açores menos 444 pessoas a receber estes subsídios do que em abril (-6%).

Em relação a maio de 2014 há menos 1243 trabalhadores a beneficiar destas prestações, uma queda de 15%.

Numa análise aos dados do Instituto da Segurança Social, verifica-se que o número de beneficiários de subsídios de desemprego já não era tão baixo desde junho de 2012, altura em que 6921 pessoas beneficiavam deste subsídio. Já o número mais elevado de beneficiários foi de 8741 em janeiro de 2014.

Desde então o número de pessoas a receber estes subsídios na Região tem vindo a cair, ainda que com ligeiras oscilações.

O subsídio de desemprego é atribuído a trabalhadores que perderam involuntariamente o seu emprego, que estejam disponíveis para trabalhar e inscritos no centro de emprego da sua área de residência e tenham trabalhado por conta de outrem 360 dias ao longo dos últimos 24 meses.

Cerca de 18 mil pessoas  beneficiaram do RSI

O número de beneficiários do Rendimento Social de Inserção (RSI) nos Açores atingiu os 18.066 em maio, valor que representa um aumento de 1 por cento face ao mês anterior, segundo dados do ISS.

Assim em maio 18.066 pessoas receberam esta prestação social, mais  199 relativamente ao mês de abril (17.867). Comparando com o período homólogo de 2014, registou-se um aumento de 2,7%, com mais 471 beneficiários a beneficiarem desta prestação social num ano.

Segundo o ISS, em maio de 2014 existiam 17.595 beneficiários, número que aumentou para 18.066 um ano depois, o que representou um aumento de 2,7 %. Numa análise do total do país verifica-se que em maio o número de beneficiários do RSI se manteve praticamente inalterado face ao mês anterior

Por centros do ISS, verifica-se que a maior parte dos beneficiários reside no distrito do Porto (60.411), seguido do distrito de Lisboa (38.097), dos Açores (18.066) e do distrito de Setúbal (17.636).

Já em relação ao número de famílias com direito ao RSI, verifica-se que na Região este valor subiu 6,7% em maio face ao ano passado, com mais 379 famílias a receberem este apoio.

O valor médio recebido por cada beneficiário em maio fixou-se nos 89,38 euros e por família em 226,61 euros.

Fonte: Açoriano Oriental

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Nove mais Três? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos