Economia

Novo sistema de incentivos à manutenção de paisagens tradicionais da cultura da vinha e de pomares foi hoje publicado

  • 16 de Dezembro de 2014
  • 485 Visualizações, Última Leitura a 23 Julho 2018 às 15:48
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

O novo sistema de incentivos à manutenção de paisagens tradicionais da cultura da vinha em currais e em socalcos e de pomares de espécies tradicionais situados em áreas de paisagem protegida, foi hoje publicado em Diário da República.

O diploma, além dos incentivos à manutenção da produção da cultura da vinha na ilha do Pico, incluindo os currais de figueiras, na área classificada como Património Mundial e na respetiva zona tampão, passa também a considerar elegíveis, para efeito da concessão dos apoios, as parcelas de vinhas, de figueiras e de pomares de espécies tradicionais que se encontrem em produção, em currais e em socalcos, situadas em áreas de paisagem protegida e em fajãs costeiras, integradas nos parques naturais de ilha e reservas da biosfera.

Os apoios previstos são atribuídos anualmente em função da dimensão das explorações, podendo atingir o valor máximo de 2.350 euros por hectare.

O período de candidaturas para os contratos de manutenção que se iniciem no ano de 2015 decorre nos 30 dias seguintes à data de publicação do diploma.

Com esta medida, o Governo dos Açores pretende incentivar, além da cultura da vinha, os pomares de espécies tradicionais, que constituem um importante património dada a sua relevância na paisagem, para a biodiversidade e para o equilíbrio ecológico, permitindo igualmente a dinamização económica das atividades produtivas tradicionais, com vista a criação de mais emprego e riqueza na Região

Fonte: GaCS

Comentários

Deixar Comentário

Quantos são Cinco mais Um? O que é isto?

Pesquisar

Conhecer Todos
Conhecer Todos