Comunicação e Eventos

CCAH reivindica novas medidas de apoio aos empresários

  • 9 de Março de 2011
    • *
    • *
    • *
    • *
    • *

Considerando a previsão de recessão para 2011, a falta de liquidez da própria banca e dos empresários, a previsão de aumento da Euribor e dos spreads, os níveis de confiança do consumidor, levam a CCAH a crer que 2011 será um ano muito difícil. 

A Câmara do Comércio de Angra do Heroísmo (CCAH), no âmbito da CCIA, tem vindo ao longo dos últimos meses, a reunir com os empresários e banca para estudar novas linhas de apoio conjunturais que venham mitigar as dificuldades de tesouraria e fundo de maneio.

Após as várias reuniões, a CCAH reivindica o lançamento de novas medidas conjunturais de apoio as empresas, uma de apoio à reestruturação da dívida e outra para fundo de maneio.

Essas linhas devem ter como principal preocupação o facto das empresas não conseguirem, neste momento, assumir os seus compromissos junto da banca, bem como com fornecedores. É essencial e urgente o lançamento de um novo pacote de medida conjunturais que permita controlar o nível dos encargos financeiros das empresas, que disponibilize fundo maneio para fazer face a necessidades de tesouraria imediatas, bem como permita perspectivar o investimento necessário para o aumento da competitividade das empresas e da nossa economia.

Pesquisar

Mais recentes na Galeria

Ver Galeria